https://www.poetris.com/
 
Acrósticos : 

E nada mais

 

O dia nasce claro
A ausência da chuva
Faz-me um observador.
Como viver a prevenir invernos?
Há uma certa tendência em nos sentir
Internos de um ou de muitos infernos
Que nos impõe uma série de inconvenientes.
Renitentes estamos a mercê dos fatos
Que em dose cavalar nos surpreende
E nos remete para uma zona paranóica
Que invoca a todo custo a nossa lógica
Rasteira que só pensa besteira e nada mais.


Chicão de Bodocongó foi a melhor maneira de homenagear o bairro que moro a trinta anos na cidade de Campina Grande ( Bodocongó ), Paraíba. O meu nome é Francisco de Assis que é acompanhado pelo sobrenome Cunha Metri e faz pouco dias que venho publican...

 
Autor
ChicãodeBodocongó
 
Texto
Data
Leituras
410
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.