https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Esperança : 

Sem toutiços nem tranças

 
Sem toutiços nem tranças
 
 
No tempo que passa, as borboletas crescem
ganham asas, ficam condenadas,
sem toutiços nem tranças
cabelos brancos que caiem soltos,
em êxtases livres
levam sonhos
vão deixando os medos.
São fios contados, que contam segredos
deixam nos martírios, de tumores
lacrados num sombreiro, enlaçado em branco.

Acompanhando e aditando a vida
num sobressalto
crescendo e beijando, num cruzar
de amores
envelhecendo, de gorduras nos seios
sem receios, amputações
só medos.

Enrosco-me descalça, forçando
e afugentando desassossegos.
Eu de toutiços na mão
olho no rosto enrugado, de quem muito amo,
com medo.

Procuro não ver flores.
Acreditando…
só em esperanças e cores
de abraços de mãe e amores...


Cristina Pinheiro Moita /Mim/

 
Autor
mim
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1051
Favoritos
3
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
39 pontos
15
0
3
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
António MR Martins
Publicado: 08/01/2009 13:37  Atualizado: 08/01/2009 13:37
Colaborador
Usuário desde: 22/09/2008
Localidade: Ansião
Mensagens: 5064
 Re: Sem toutiços nem tranças
Mim,

A vida tem o seu caminho...
Ficam sempre as saudades (mesmo para quem não as tem...). Vão-se os toutiços... e as tranças (já experimentou fazê-las agora? Faça-as e veja-se ao espelho. Poderá ser que (re)encontre algo de novo!... ).
O poema torna-se místico... mas o abraço da mãe e os amores jamais se esquecem.

Este trabalho ora produzido é de altíssimo valor.

Beijinho prima

Enviado por Tópico
Antónia Ruivo
Publicado: 08/01/2009 13:57  Atualizado: 08/01/2009 13:57
Colaborador
Usuário desde: 08/12/2008
Localidade: Vila Viçosa
Mensagens: 3906
 Re: Sem toutiços nem tranças
Amiga gostei muito da tua reflexão poética, mas reforço o conselho do amigo António, experimenta a fazer as tranças, força, beijinhos

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 08/01/2009 15:35  Atualizado: 08/01/2009 15:35
 Re: Sem toutiços nem tranças
Mim,

Breve como a vida das borboletas é cada fase de nossa vida.As saudades balançam como as tranças dos nossos cabelos em meninas.Que poema reflexivo e delicado, querida!
Bjins, Betha.

Enviado por Tópico
Edilson José
Publicado: 08/01/2009 19:20  Atualizado: 08/01/2009 19:20
Colaborador
Usuário desde: 12/04/2008
Localidade: SP
Mensagens: 5591
 Re: Sem toutiços nem tranças
A trajetória assim... Belo Mim!
Bjs
Edilson

Enviado por Tópico
jaber
Publicado: 08/01/2009 19:31  Atualizado: 08/01/2009 19:31
Colaborador
Usuário desde: 24/07/2008
Localidade: Braga
Mensagens: 2802
 Re: Sem toutiços nem tranças
é o tempo que não deixa tempo a que o tempo pare, anda sempre, sempre sem tempo, inexorávelmente...


Beijo em ti...

Enviado por Tópico
gil de olive
Publicado: 08/01/2009 20:38  Atualizado: 08/01/2009 20:38
Colaborador
Usuário desde: 03/11/2007
Localidade: Campos do Jordão SP BR
Mensagens: 5046
 Re: Sem toutiços nem tranças
Achei interessante e bem montado, embora ficou uma curiosidade, e que desconheço o significado da palavra toutiço, de resto, mil pra voce!

Enviado por Tópico
MartaVasil
Publicado: 08/01/2009 20:58  Atualizado: 08/01/2009 20:58
Da casa!
Usuário desde: 30/11/2008
Localidade:
Mensagens: 215
 Re: Sem toutiços nem tranças
Que poema doce! A criança que ontem fui em voos de borboletas... em "metamorfose" ao longo da linha do tempo.

Beijinhos de borboleta já com os "toutiços na mão"

Marta Vasil

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 08/01/2009 21:24  Atualizado: 08/01/2009 21:24
 Re: Sem toutiços nem tranças
"...só em esperanças e cores
de abraços de mãe e amores..."

Cristina:
Aproveita todos os abraços e os amores de Mãe!


Beijo solidário

Enviado por Tópico
António MR Martins
Publicado: 08/01/2009 21:57  Atualizado: 08/01/2009 21:57
Colaborador
Usuário desde: 22/09/2008
Localidade: Ansião
Mensagens: 5064
 Re: Sem toutiços nem tranças
Prima,

Vou tecer algumas palavras sobre esta sua postagem , já que me parece ter feito, inicialmente, uma leitura imperfeita e inadaquada.
Pergunto primeiro: - O poema é ficcionário ou transmite-nos algo de real?...
O abraço da mãe é preponderante numa situação como a referenciada, mas também podem acontecer abraços amigos (de primos, talvez)...
Necessito de mais esclarecimentos para me debruçar em concreto sobre a forte temática aludida no poema.
Aguardo informações...
Desta feita... beijos doces (para todos!...).

Enviado por Tópico
VónyFerreira
Publicado: 08/01/2009 22:53  Atualizado: 08/01/2009 22:53
Membro de honra
Usuário desde: 14/05/2008
Localidade: Leiria
Mensagens: 9702
 Re: Sem toutiços nem tranças
Este teu poema, MIM,
é de uma profundidade enorme.
Abordas a realidade do tempo, com uma
sensibilidade ímpar.
Parabéns!
Beijos
Vóny Ferreira

Enviado por Tópico
Fhatima
Publicado: 09/01/2009 00:38  Atualizado: 09/01/2009 00:38
Colaborador
Usuário desde: 12/02/2008
Localidade: Joinville - SC
Mensagens: 3386
 Re: Sem toutiços nem tranças
Olá Cristina!

Poema onde as lembranças se refletem em saudades, e refazem o tempo passado em presente, parabéns esclente e belo trabalho!

Beijinhos!

Fhatima

Enviado por Tópico
paulogomes
Publicado: 09/01/2009 11:15  Atualizado: 09/01/2009 13:09
Muito Participativo
Usuário desde: 27/08/2008
Localidade:
Mensagens: 63
 Re: Sem toutiços nem tranças
Querida mim sabes que tens aqui um obro amigo,
as tranças ou os toutiços podes sempre fazer,
pois ficas linda com eles.
Um beijo no coração deste que te adora muito.

<Vou levar comigo no peito>

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 09/01/2009 11:53  Atualizado: 09/01/2009 11:53
 Re: Sem toutiços nem tranças
acredito que em qualquer situação não devemos perder a cabeça, e acreditar e termos sempre esperança, em tudo talvez em todos. gostei muito. bj


Enviado por Tópico
Nanda
Publicado: 13/01/2009 11:42  Atualizado: 13/01/2009 11:42
Colaborador
Usuário desde: 14/08/2007
Localidade: Setúbal
Mensagens: 11186
 Re: Sem toutiços nem tranças
Mimzinha,
Na minha terra chamamos rabichas, mas deixa-me que te diga que o teu poema de toutiços e borboletas está maravilhoso, querida.
Beijinhos na alma
NOpen in new windowanda