https://www.poetris.com/
 
Duetos : 

Coração Imprudente, com Octávio da Cunha

 
Tags:  versos    dueto    afectos  
 
Arrasta-me o coração imprudente
Entre o mundo paralelo
Dos sonhos voláteis
Onde te aguardo com algemas
Enraizadas de leveza.

Prendo-te a mim... (sou demente)
Com amarras de fogo singelo
Profano os Amores etéreos
Efémero jardim de dilemas
Prendo-te... gigante de beleza

Arrasta-me o coração imprudente
Neste universo intemporal
Metamorfose de poeta-poemas
Guardo-te no pensamento
Estrofe de sonho-dilemas

E entre versos e afectos,
Ficção e realidade,
Voo nas tuas asas de anjo
Que me confias abertamente
E consumo-te… Poeta!

Um dueto que fiz com o Octávio da Cunha, um grande poeta, que vai lançar o seu primeiro livro, "A Intermitência dos Sentidos" (que dá também o nome ao seu novo blog, no próximo dia 14 de Março, pelas 16 horas, no Auditório no Campo Grande, nº 56, em Lisboa, e que eu vou ter a honra de apresentar
 
Autor
Vera Sousa
 
Texto
Data
Leituras
1050
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
18 pontos
10
0
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
jaber
Publicado: 03/03/2009 12:15  Atualizado: 03/03/2009 12:15
Colaborador
Usuário desde: 24/07/2008
Localidade: Braga
Mensagens: 2802
 Re: Coração Imprudente, com Octávio da Cunha
A intemporalidade efémera de uma consumação que se consome numa demencia imprudente de dilemas.

Beijo Vera

Enviado por Tópico
Karla Bardanza
Publicado: 03/03/2009 12:54  Atualizado: 03/03/2009 12:54
Colaborador
Usuário desde: 24/06/2007
Localidade:
Mensagens: 3491
 Re: Coração Imprudente, com Octávio da Cunha
Delícia de poema Vera!

Beijo

Karla Bardanza

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 03/03/2009 13:54  Atualizado: 03/03/2009 13:54
 Re: Coração Imprudente, com Octávio da Cunha
Há muito não leio um dueto com essa qualidade e sintonia de palavras.
Beijo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 03/03/2009 13:56  Atualizado: 03/03/2009 13:56
 Re: Coração Imprudente, com Octávio da Cunha
Vera,
O texto carrega imagens poéticas que fazem a gente se identificar com o conteúdo de cada verso.Tudo está tão bem composto como se fosse feito por uma só pessoa.É favorito.
Bjins, Betha.

Enviado por Tópico
Antónia Ruivo
Publicado: 03/03/2009 14:39  Atualizado: 03/03/2009 14:39
Colaborador
Usuário desde: 08/12/2008
Localidade: Vila Viçosa
Mensagens: 3906
 Re: Coração Imprudente, com Octávio da Cunha
A sintonia perfeita entre dois poetas, fantástico, beijinhos

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 03/03/2009 16:02  Atualizado: 03/03/2009 16:02
 Re: Coração Imprudente, com Octávio da Cunha
Não tenho nada de original a dizer...
Direi o mesmo que "alentejana"...

Gostei e gostei...
Vou procurar na alma o sentido da resposta...

Bjs e Abraço a poetas...

Enviado por Tópico
AnaCoelho
Publicado: 03/03/2009 20:25  Atualizado: 03/03/2009 20:25
Colaborador
Usuário desde: 09/05/2008
Localidade: Carregado-Alenquer
Mensagens: 12081
 Re: Coração Imprudente, com Octávio da Cunha
Em perfeita sintonia nasce um poema sublime, parabens aos poetas.

Beijos

Enviado por Tópico
António MR Martins
Publicado: 03/03/2009 20:34  Atualizado: 03/03/2009 20:34
Colaborador
Usuário desde: 22/09/2008
Localidade: Ansião
Mensagens: 5064
 Re: Coração Imprudente, com Octávio da Cunha
Vera,

Belo e empolgante este poema elaborado por dois grandes poetas...

Beijos para ti
Abraço para o Octávio

Enviado por Tópico
mim
Publicado: 04/03/2009 01:08  Atualizado: 04/03/2009 01:08
Colaborador
Usuário desde: 14/08/2008
Localidade:
Mensagens: 2858
 Re: Coração Imprudente, com Octávio da Cunha
Gostei...muito!

Beijocas aos dois

Enviado por Tópico
Edilson José
Publicado: 05/03/2009 17:40  Atualizado: 05/03/2009 17:40
Colaborador
Usuário desde: 12/04/2008
Localidade: SP
Mensagens: 5591
 Re: Coração Imprudente, com Octávio da Cunha
Que assim então venha a imprudência!
parabéns Vera e Otavio!
fantastico!
bj
Edilson