https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Ponto .

 
Tags:  !  
 
Quero libertar-me da estranheza do teu ser,
Das amarras que me afundam a razão
E deslizo profundamente sem retorno
Ao sabor dos teus beijos adormecidos.

Vejo candura e cerram-me as palavras
No silêncio, habitam histórias de encantar
Oiço na tua imagem a emoção
Um olhar de soslaio que me enriquece!

Não vale a pena mais fraqueza, ilusão
Parto ao sabor da tormenta e sigo
Taciturna, o poente do amor
Tacteando a verdade nua e crua .


Carolina

 
Autor
Carolina
Autor
 
Texto
Data
Leituras
747
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
25 pontos
25
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Karla Bardanza
Publicado: 29/07/2009 15:36  Atualizado: 29/07/2009 15:36
Colaborador
Usuário desde: 24/06/2007
Localidade:
Mensagens: 3491
 Re: Ponto .
Carol,

O teu ponto não encerra mas abre as portas para uma outra continuação.

Beijo

Karla Bardanza


Enviado por Tópico
LuisaMargaridaRap
Publicado: 29/07/2009 15:36  Atualizado: 29/07/2009 15:37
Colaborador
Usuário desde: 19/08/2008
Localidade: Portalegre - Alentejo
Mensagens: 1512
 Re: Ponto .
Como um vento súbito e imerso
Das amarras que se afundam na tua razão
Um veneno subtil, vago e disperso
Lanças nesse teu ponto de emoção...


Bjs

Luisa Raposo


Enviado por Tópico
GlóriaSalles
Publicado: 29/07/2009 16:10  Atualizado: 29/07/2009 16:10
Colaborador
Usuário desde: 28/07/2008
Localidade: Flórida Pta-SP
Mensagens: 2514
 Re: Ponto .
Sua poesia me fez viajar
pra dentro de mim,
seus versos foram
o meu portal desta vez!
Adoro te ler... Ponto.

Beijinho
Open in new window


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 29/07/2009 19:37  Atualizado: 29/07/2009 19:37
 Re: Ponto .
Carolina,
felizmente, depois do ponto final, ainda havia o teu belo poema.
Parabéns,

beijinho,

Paulo Galvão


Enviado por Tópico
AnaCoelho
Publicado: 29/07/2009 21:07  Atualizado: 29/07/2009 21:07
Colaborador
Usuário desde: 09/05/2008
Localidade: Carregado-Alenquer
Mensagens: 12082
 Re: Ponto .
Um ponto. a partida para um poema excelente.

Beijos


Enviado por Tópico
Vergílio
Publicado: 29/07/2009 22:01  Atualizado: 29/07/2009 22:01
Colaborador
Usuário desde: 22/03/2009
Localidade: Porto
Mensagens: 786
 Re: Ponto .
E a vida caminha e reinventa-se...
Beijo


Enviado por Tópico
Branca
Publicado: 29/07/2009 22:04  Atualizado: 29/07/2009 22:04
Colaborador
Usuário desde: 05/05/2009
Localidade: Brasil
Mensagens: 2993
 Re: Ponto .
Carolina, muito lindo e forte as palavras deste teu poema. Escreves com maturidade.
Beijos


Enviado por Tópico
fernandobarbosa
Publicado: 29/07/2009 22:32  Atualizado: 29/07/2009 22:33
Colaborador
Usuário desde: 27/08/2008
Localidade:
Mensagens: 706
 Re: Ponto . Carolina
O reencontro emocional entre os valores que enriquecem.

Um ponto de partida, onde todos os sentimentos se cruzam...convenientemente.

Valorizar emocionalmente o lado mais belo de cada questão, tornará ainda mais belo o lado humano que faz cada sentimento ainda mais crescer.

Seja o optimismo e não a fraqueza a prevalecer entre todas as possibilidades que podem transformar todas as coisas.

Muito eemocional e bem defenido esse ponto seu, repleto de originalidade.

Com amizade
Fernando.


Enviado por Tópico
(re)velata
Publicado: 29/07/2009 23:17  Atualizado: 29/07/2009 23:17
Colaborador
Usuário desde: 23/02/2009
Localidade: Lagos
Mensagens: 2181
 Re: Ponto .
A seguir ao ponto final, pode acabar o texto ou começar um novo parágrafo.

Gostei do teu poema!

Beijinho da coleguinha


Enviado por Tópico
Alexis
Publicado: 29/07/2009 23:28  Atualizado: 29/07/2009 23:28
Colaborador
Usuário desde: 29/10/2008
Localidade: guimarães
Mensagens: 7254
 Re: Ponto .p/ carolina
...e o que será "a verdade",querida amiga?o que será a ilusão?...
beijo

Enviado por Tópico
RAMA.LYON
Publicado: 01/08/2009 08:18  Atualizado: 01/08/2009 08:18
Super Participativo
Usuário desde: 01/12/2008
Localidade: LYON-França
Mensagens: 122
 Re: Ponto .
Venho aqui marcar o meu ponto (.)
simplesmente para dizer, que o poema está muito belo.
Beijinhos

RAMA LYON


Enviado por Tópico
VónyFerreira
Publicado: 05/08/2009 12:13  Atualizado: 05/08/2009 12:13
Membro de honra
Usuário desde: 14/05/2008
Localidade: Leiria
Mensagens: 9702
 Re: Ponto .
"Vejo candura e cerram-me as palavras
No silêncio, habitam histórias de encantar
Oiço na tua imagem a emoção
Um olhar de soslaio que me enriquece!"

Porque nos abraçam os desencontros?
Porque nos fechamos nesses pontos
Onde a exclamação
Diverge muita vez da razão.

Belo, Carolina!
Vóny Ferreira


Enviado por Tópico
António MR Martins
Publicado: 05/10/2009 19:47  Atualizado: 05/10/2009 19:47
Colaborador
Usuário desde: 22/09/2008
Localidade: Ansião
Mensagens: 5064
 Re: Ponto .
Carolina,

Há sempre um ponto final para tudo, ou quase tudo... pois não para a sua poesia.

Gostei muito.

Beijinho