https://www.poetris.com/

 
(1) 2 3 4 ... 6 »
Textos deste autor
Offline
RicardoC
NOVENTA E NOVE TROVAS
PRIMEIRA Chamam às quadras de trovas, Quando co'o metro dileto Têm, ao trazer boas-novas, E...
Enviado por RicardoC
em 22/06/2017 16:41:22
Textos deste autor
Offline
RicardoC
NONAGÉSIMA NONA
NONAGÉSIMA NONA -- "A quantas andam as trovas Com que costumas poetar?" -- "São n...
Enviado por RicardoC
em 22/06/2017 02:00:08
Textos deste autor
Offline
RicardoC
NONAGÉSIMA OITAVA
NONAGÉSIMA OITAVA Às letras eu me dedico Por mais e melhor saber. Não que me façam mais rico, Si...
Enviado por RicardoC
em 21/06/2017 00:49:32
Textos deste autor
Offline
RicardoC
NONAGÉSIMA SÉTIMA
NONAGÉSIMA SÉTIMA Busca com tua conduta Ter Liberdade primeiro. Melhor um dia de luta Do que mil...
Enviado por RicardoC
em 20/06/2017 12:09:23
Textos deste autor
Offline
RicardoC
NONAGÉSIMA SEXTA
NONAGÉSIMA SEXTA Ser feliz -- quer sim; quer não -- É mais empenho que sorte: Uns buscam ser na ...
Enviado por RicardoC
em 19/06/2017 02:14:24
Textos deste autor
Offline
RicardoC
NONAGÉSIMA QUINTA
NONAGÉSIMA QUINTA Temo que a estrada da vida Após muito caminhar Dê n'um beco sem saída Ou ...
Enviado por RicardoC
em 18/06/2017 03:13:51
Textos deste autor
Offline
RicardoC
NONAGÉSIMA QUARTA
NONAGÉSIMA QUARTA Nada como um outro dia Para entendermos o havido: Quem ontem riu d'alegri...
Enviado por RicardoC
em 15/06/2017 13:37:55
Textos deste autor
Offline
RicardoC
NONAGÉSIMA TERCEIRA
NONAGÉSIMA TERCEIRA Além do bem e do mal, As razões do coração Pesam mais do que, em geral, Qual...
Enviado por RicardoC
em 13/06/2017 12:32:55
Textos deste autor
Offline
RicardoC
NONAGÉSIMA SEGUNDA
NONAGÉSIMA SEGUNDA Em teus olhos vejo estrelas; Em teu sorriso, promessas... Muito dizes sem diz...
Enviado por RicardoC
em 12/06/2017 13:57:45
Textos deste autor
Offline
RicardoC
NONAGÉSIMA PRIMEIRA
NONAGÉSIMA PRIMEIRA À custa d'algum versinho, Perdia a hora vez em quando... A manhã em que...
Enviado por RicardoC
em 11/06/2017 23:28:45
Textos deste autor
Offline
RicardoC
NONAGÉSIMA
NONAGÉSIMA Ignora a dor d'este mundo Quem vive só de aparências. Qualquer olhar mais profun...
Enviado por RicardoC
em 08/06/2017 18:01:51
Textos deste autor
Offline
RicardoC
OCTOGÉSIMA NONA
OCTOGÉSIMA NONA Molha tolos fina chuva, Que nos pega de surpresa: Cai como à mão uma luva, Tua o...
Enviado por RicardoC
em 07/06/2017 12:38:13
Textos deste autor
Offline
RicardoC
OCTOGÉSIMA OITAVA
OCTOGÉSIMA OITAVA Amanheço na esperança E anoiteço em desespero... Minh'alma jamais descan...
Enviado por RicardoC
em 06/06/2017 23:36:37
Textos deste autor
Offline
RicardoC
OCTOGÉSIMA SÉTIMA
OCTOGÉSIMA SÉTIMA Perdem as folhas o viço Quando vem no outono o frio. Antes fosse apenas isso,...
Enviado por RicardoC
em 06/06/2017 11:24:10
Textos deste autor
Offline
RicardoC
OCTOGÉSIMA SEXTA
OCTOGÉSIMA SEXTA Eu -- mais dia, menos dia -- Parto d'esta p'ra melhor... Mas fiz tudo...
Enviado por RicardoC
em 04/06/2017 14:44:08
Textos deste autor
Offline
RicardoC
OCTOGÉSIMA QUINTA
OCTOGÉSIMA QUINTA Vez em quando vou à forra Contra as mazelas da vida: Mesmo que de viver morra,...
Enviado por RicardoC
em 02/06/2017 17:47:14
Textos deste autor
Offline
RicardoC
OCTOGÉSIMA QUARTA
OCTOGÉSIMA QUARTA Se segunda à sexta eu busco, Sábado e domingo eu acho: Nas sombras d'um l...
Enviado por RicardoC
em 01/06/2017 03:19:29
Textos deste autor
Offline
RicardoC
OCTOGÉSIMA TERCEIRA
OCTOGÉSIMA TERCEIRA Fidalgo de meia pataca! Puto sem eira nem beira!! Falando igual maritaca Um...
Enviado por RicardoC
em 31/05/2017 15:32:35
Textos deste autor
Offline
RicardoC
OCTOGÉSIMA SEGUNDA
OCTOGÉSIMA SEGUNDA O amor é pássaro arisco, Que se afasta quando acuado. Sabe em cada olhar um ...
Enviado por RicardoC
em 30/05/2017 16:10:49
Textos deste autor
Offline
RicardoC
OCTOGÉSIMA PRIMEIRA
OCTOGÉSIMA PRIMEIRA Quem dá o que não possui Perde até o que não tem. Não se sabe mas se intui ...
Enviado por RicardoC
em 29/05/2017 16:07:28
(1) 2 3 4 ... 6 »