https://www.poetris.com/

 
(1) 2 3 4 »
Offline
Angela
Quero tanto ser tua
Quero tanto ser tua, meu amor, Que me reinvento em cores de borboleta E ondas de luar para, de so...
Enviado por Angela
em 21/09/2007 23:24:13
Offline
Angela
Em tudo existe poesia
Em tudo existe poesia! No coração que palpita com amor; No coração que sangra com dor. Na lágri...
Enviado por Angela
em 21/09/2007 17:29:06
Offline
Angela
Ao lado do teu corpo
Quando ontem ao lado do teu corpo me deitei, Senti o teu calor na minha pele e me deleitei. Depoi...
Enviado por Angela
em 20/09/2007 18:05:38
Offline
Angela
Grafismos de ideias
Grafismos de ideias Esboçados no papel Como sangue nas veias, Como carícia na pele, Correm e deix...
Enviado por Angela
em 20/09/2007 14:22:45
Offline
Angela
Sem lamento
Cuspir palavras de amor No rosto da pessoa que amamos; Despejar um perfume de dor Através dos ges...
Enviado por Angela
em 19/09/2007 13:15:17
Offline
Angela
A entrega
O sol Me acalentou; A lua Me enfeitiçou; O vento Me acariciou; A chuva Me beijou; O mar Me inebri...
Enviado por Angela
em 18/09/2007 21:40:09
Offline
Angela
As rosas vermelhas
O vivo escarlate no teu peito Desenha aveludadas pétalas de rosa. A estática serenidade dos teus ...
Enviado por Angela
em 18/09/2007 15:46:09
Offline
Angela
Novo amanhecer
Sonho um novo amanhecer De alva paz para toda a humanidade. Soldados de amor vão estabelecer A le...
Enviado por Angela
em 17/09/2007 10:47:53
Offline
Angela
Encanto lunar
Dos flancos argentinos da nuvem vaporosa Elevou-se com mistério a lua silenciosa Tal qual uma jov...
Enviado por Angela
em 14/09/2007 15:30:51
Offline
Angela
Dor crónica
Taciturnas nevralgias Irrompem desenfreadamente Como sanguinolentas barreiras Desconexas e aliena...
Enviado por Angela
em 14/09/2007 11:15:39
Offline
Angela
A noite
A noite debruçou-se sobre as ondas do mar Somente para colher um suspiro de amor. Mas para mim nã...
Enviado por Angela
em 13/09/2007 23:29:38
Offline
Angela
O amor e a morte
Casais em sorrisos passeiam à beira-rio, Tão enamorados que até se esquecem do frio. Num momento,...
Enviado por Angela
em 13/09/2007 14:25:12
Offline
Angela
Adeus falso poeta!
Para mim o teu adeus é vil representação, Um apelo desesperado e insano à comiseração! Quando lei...
Enviado por Angela
em 13/09/2007 11:07:33
Offline
Angela
De ti parto
Se de ti parto, dissonante, Foi por tu não teres sabido escutar A melodia do meu olhar Que os teu...
Enviado por Angela
em 12/09/2007 14:09:17
Offline
Angela
As carícias dos teus olhos
Quero sentir as carícias dos teus olhos Pois só eles refletem a alma dos limites do ser, Só eles ...
Enviado por Angela
em 11/09/2007 15:42:34
Offline
Angela
Chamo por ti
Chamo por ti Numa imagem de um olhar Que te procura No sussurro das palavras, As tuas palavras de...
Enviado por Angela
em 07/09/2007 11:28:04
Offline
Angela
O seio assustado
Mar, ouço o teu bramido Nesta noite vazia Como o seio assustado Que não consegue dormir. O vento...
Enviado por Angela
em 06/09/2007 16:34:12
Offline
Angela
Um aroma a amor
Um aroma a amor, Uma essência de felicidade, Um perfume de ternura Embalam o meu coração solitári...
Enviado por Angela
em 31/07/2007 17:39:48
Offline
Angela
O nosso amor
Mil e um poemas, Cantados por mil e uma vozes, Jamais poderão glorificar Aquele instante de etern...
Enviado por Angela
em 25/07/2007 17:47:35
Offline
Angela
Impermanente passagem
Dispo a razão Nesta longa e lenta noite nua. - a existência, afinal, não é mais do que uma nuvem...
Enviado por Angela
em 11/07/2007 16:47:15
(1) 2 3 4 »