https://www.poetris.com/

 
(1) 2 3 4 ... 7 »
Offline
RivadáviaLeite
QUERIDA PROFESSORINHA
QUERIDA PROFESSORINHA Iluminada propedeuta que ensina as criancinhas a ler, Sagrado mister que ...
Enviado por RivadáviaLeite
em 18/05/2014 08:32:37
Offline
RivadáviaLeite
NOITES DE SERENATAS
NOITES DE SERENATAS Noites de serenatas, tempos idos que pr...
Enviado por RivadáviaLeite
em 19/11/2013 17:32:42
Offline
RivadáviaLeite
NAMORO NA INFÂNCIA
NAMORO NA INFÂNCIA Sentimentos residuais de um amor noutrora, Flutua no meu íntimo átimos em re...
Enviado por RivadáviaLeite
em 06/10/2013 10:55:55
Offline
RivadáviaLeite
NAMORADOS DE OUTRORA
NAMORADOS DE OUTRORA Noite calma, o silêncio orquestrava aquele lugar, Um recanto bucólico para...
Enviado por RivadáviaLeite
em 15/08/2013 21:15:58
Offline
RivadáviaLeite
MEMORÁVEL PERDÃO
MEMORÁVEL PERDÃO Quando daquele abraço acenei o meu adeus, Rasos d’águas ficaram teus olhos na ...
Enviado por RivadáviaLeite
em 24/01/2013 17:51:10
Offline
RivadáviaLeite
MEMORÁVEL PERDÃO
MEMORÁVEL PERDÃO Quando daquele abraço acenei o meu adeus, Rasos d’águas ficaram teus olhos na ...
Enviado por RivadáviaLeite
em 21/10/2012 09:47:01
Offline
RivadáviaLeite
MAJESTOSA PALMEIRA
MAJESTOSA PALMEIRA Majestosa palmeira com seu altíssimo fronde, De muito longe se avista as pal...
Enviado por RivadáviaLeite
em 17/09/2012 09:20:12
Offline
RivadáviaLeite
MADRESSILVA
MADRESSILVA Madressilvas floridas, que fascínio de olores! Inspiração dos deuses, razão deste m...
Enviado por RivadáviaLeite
em 25/08/2012 18:22:27
Offline
RivadáviaLeite
LAMENTO DE UM POETA
LAMENTO DE UM POETA Noturnal viageiro sob o céu com luzeiro, Sucumbe meu romantismo de inanição...
Enviado por RivadáviaLeite
em 02/08/2012 09:04:57
Offline
RivadáviaLeite
LÁGRIMAS DE AMOR
LÁGRIMAS DE AMOR Lágrimas frementes de uma mulher no passado. Visão onírica que su'alma a...
Enviado por RivadáviaLeite
em 08/07/2012 10:41:41
Offline
RivadáviaLeite
INGRATIDÃO
INGRATIDÃO Chafariz de lágrimas contidas em meu peito, Orvalho em gotas que cobre minha alma-fl...
Enviado por RivadáviaLeite
em 24/06/2012 11:11:49
Offline
RivadáviaLeite
imponente mulher
IMPONENTE MULHER Pervagas pelas veredas da ominosa insolência, Querendo a tua desditosa prosápi...
Enviado por RivadáviaLeite
em 10/06/2012 21:36:58
Offline
RivadáviaLeite
ESTRADA DA VIDA
ESTRADA DA VIDA Estou chegando ao fim da estrada da vida, Aquilo que plantei foi o que colhi em...
Enviado por RivadáviaLeite
em 02/04/2012 11:00:42
Offline
RivadáviaLeite
ESTIGMA DE UMA DOR
ESTIGMA DE UMA DOR Estigma das minhas algias enexplicáveis, Trilho as veredas do meu pretérito ...
Enviado por RivadáviaLeite
em 08/02/2012 17:55:51
Offline
RivadáviaLeite
ESPAÇO DAS QUIMERAS
ESPAÇO DAS QUIMERAS O marulho das vagas que vem lá da praia, É o canto cifrado das águas a pers...
Enviado por RivadáviaLeite
em 22/12/2011 17:44:47
Offline
RivadáviaLeite
ENCONTRO COM AS ROSAS
ENCONTRO COM AS ROSAS A sensação odorífera do perfume rosáceo, Conduz-me ao regozijo de uma ins...
Enviado por RivadáviaLeite
em 28/11/2011 09:58:41
Offline
RivadáviaLeite
ENCANTOS DE UMA MUSA
ENCANTOS DE UMA MUSA Ó paisagem feminina, tens a beleza de uma flor! O canto dos teus encantos,...
Enviado por RivadáviaLeite
em 09/11/2011 10:38:45
Offline
RivadáviaLeite
EFÊMERA MOCIDADE
EFÊMERA MOCIDADE Quantos serão os teus dias de mocidade? Por que te enalteces em frívola levidã...
Enviado por RivadáviaLeite
em 01/11/2011 09:47:07
Offline
RivadáviaLeite
DISTÂNCIA SENTIMENTAL
DISTÂNCIA SENTIMENTAL Distância molesta, porta-voz do meu sentimento, Sucedâneo serotino que me...
Enviado por RivadáviaLeite
em 09/10/2011 09:34:38
Offline
RivadáviaLeite
DEVANEIOS
DEVANEIOS Embalde te busquei, ó divina musa! Ao luar de um distante passeio onírico. Ditosos so...
Enviado por RivadáviaLeite
em 25/08/2011 08:28:16
(1) 2 3 4 ... 7 »