https://www.poetris.com/
Artigos > Luso-Entrevistas > Luso do mês > Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo

Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo

Publicado por Luso-Poemas em 08-Jan-2008 21:50 (5418 leituras)

No espaço do Luso, a rosamaria (como está registada) é, certamente, a mais delicada de todas as personagens. É uma incontornável e, pode-se dizer, obrigatória leitura para quem por aqui anda. Não é preciso muito para que, quem não lhe conhece a escrita, se torne admirador e assíduo dos seus textos.
A Rosa Maria Anselmo nasceu para o www.luso-poemas.net em 10 de Setembro de 2006. Publicou pela primeira vez neste espaço no dia seguinte. Foi um poema intitulado "Sonhos". Tornou-se desde logo e naturalmente, uma referência do site, sendo reflexo disso a forma, a quantidade de comentários feitos aos seus textos e o carinho que gera à sua volta. É, sem discussão, o nosso destaque de abertura para o ano de 2008.
Então, eis a Rosa como ela é:

Pequena autobiografia

Rosa Maria Anselmo Fernandes, nasceu aos 30 minutos do dia 29 de Julho de 1958, na cidade do Porto.
Com apenas um ano de idade, parte com os seus pais e irmão para Moçambique. Faz os seus estudos até ao antigo 5º ano no Colégio Sagrado Coração de Maria, em Vila Junqueiro e depois no Liceu de Quelimane, a capital da Zambézia.
Por razões que a própria História já nos deu a conhecer, regressa com a família a Portugal no ano de 1976. Interrompe os seus estudos e entra no mundo do trabalho muito nova. Os números, a contabilidade, a área financeira irão acompanha-la por mais de 25 anos.
Em 1989, já casada e com dois filhos, vai para Macau com a sua família e por lá fica 9 anos. É em Macau que, em paralelo com os "seus números", termina o 12º ano e se candidata ao curso de psicologia, que vem a frequentar apenas um ano.
Regressa a Portugal em 1997 e vai residir em Mindelo.
Inicia o gosto pela escrita muito jovem, ainda nos bancos do Liceu, mas é já adulta que dá asas à criação de poemas. A escrita, a poesia, é para Rosa Maria uma forma de abraçar emoções.
Em 2003, edita o seu único livro "Diferentes Momentos", (edição de autor) pela editora "In-Libris" na sua colecção Princeps.
Descobre o site Luso - Poemas em 2006 e é neste espaço de poesia que coloca os seus poemas. Cria também o seu próprio blog em Julho de 2007.
Dos seus poetas favoritos refere Fernando Pessoa, Al Berto, Camilo Pessanha, e um poeta que conhece em Macau de seu nome Alberto Estima de Oliveira – sua inspiração, confessa.
Paralelamente à escrita, o voluntariado é outra das paixões de Rosa Maria. É no encontro com doentes oncológicos que nos diz: - as suas fragilidades fazem-me sentir tão minúscula e um sorriso é tudo o que preciso para continuar nesta imensidão de afectos.


Entrevista

Open in new windowValdevinoxis - Rosa, no seu percurso, a vida deu-lhe a conhecer muitas paragens e uma
variedade de influências grande. Gostaríamos que nos dissesse quem é a Rosa
Maria Anselmo e como é que ela se foi formando até ser a pessoa que hoje
conhecemos.
Rosa Maria Anselmo - É verdade sim, tive a sorte e o privilégio de ter andado de mãos dadas com diferentes culturas. Moçambique, embora não me tenha visto nascer, marcou toda a minha infância e adolescência. Portugal, recebeu-me num período conturbado e, apesar das imensas dificuldades de adaptação, fui começando a gostar deste País. Macau é a minha Paixão!!!... Quem confessa seus amores... não deve ser "castigado".
Estes três Países deram-me coisas diferentes, complementaram-me como ser humano.

Godi - Gostaria de saber da autora sobre o 'processo criador' da poetisa Rosa Maria Anselmo. O que sente ao escrever um poema, como ele acontece, como vem em mente e é modulado neste seu estro literário?
RMA - Querido Cláudio... eu nem me considero poetisa...Eu escrevo, sobretudo, por emoção e normalmente cada poema tem um rosto, que pode ser até desconhecido. É uma espécie de diálogo com uma folha branca... quase fecho os olhos e escrevo sem dar conta das palavras... Muitas vezes, quando termino o "poemita", tenho lágrimas nos olhos.

Paulo Afonso - Como começou a escrever Poesia?
RMA - Não é fácil responder à tua pergunta Paulo. Nos bancos da escola, escrevia uma espécie de diário, como o que todas as meninas tinham, para desabafar os seus amores e desamores da adolescência. A poesia começa mais tarde, já adulta e em Macau... mas guardava tudo numa gaveta para ninguém ver.

Open in new windowVera Silva - Lançaste um livro... podes falar um pouco sobre ele?
RMA - Posso sim e dá-me um enorme prazer fazê-lo. Eu não tinha intenção nenhuma de publicar livro algum, mas tenho uma filha maravilhosa a quem aqui vou chamar de "Lua". A Lua, na altura (já lá vão quatro anos), estava numa fase de falta de confiança nas suas enormes potencialidades inatas de canto e de aprendizagem de viola e dizia sempre, "ai eu... não sei...". Como mãe dizia-lhe que ela tinha um dom que devia aproveitar e dar-lhe forma. Eis, senão, quando ela me disse, "Pois também tu escreves tão bem e não publicas nenhum livro.". Não pude fazer outra coisa senão e por amor, mostrar-lhe que se eu era capaz de editar um livro, ela deveria aproveitar todas as suas capacidades e crescer. "Diferentes Momentos" é uma manifestação simples e pura de amor por uma filha.

Val - A Rosa lembra-se do primeiro poema que publicou no Luso? Intitula-se "Sonhos" e termina com um peremptório "-Lá, só vou eu e meus convidados - ". Estava a falar da sua "concha". É uma pessoa fechada? Uma pessoa que preserva o seu espaço?
RMA - Manuel, respondendo à sua pergunta, lembro-me sim desse poema "Sonhos”… um dos meus preferidos. Não penso ser uma pessoa fechada, quem já me conhece da família Luso, sabe que não o sou, contudo prezo muito a minha privacidade, mas considero-me extrovertida e brincalhona.

Open in new windowGodi - Já foi influenciada por algum poema ou poeta do luso - poemas? Conta-nos se caso aconteceu algo assim.
RMA - Claro que sim. Cada um de vós faz-me crescer todos os dias, enquanto "poetisa". Posso até acrescentar que muitas vezes receio "plagiar" ideias, palavras dos vossos poemas... é um tremendo risco que corro. Contudo esforço-me por ter uma forma própria de escrita.

Paulo - Qual é a pergunta que nunca lhe foi feita e que gostava que lha fizessem?
RMA - É muito gira essa pergunta! Então seria assim... às seis da tarde telefonarem-me a perguntar: "Queres vir jantar a Paris?"
Como romântica que sou, responderia: vou sim, meu amor!

Vera - E em relação ao Luso Poemas... sei que adoras o site. Como o descobriste e como tens visto a sua evolução?
RMA - O Luso Poemas aparece na minha vida um pouco por acaso. Assim, navegando pela Internet em sites de poesia, descobri o Lusos, pedi licença para entrar e muito devagar, devagarinho mesmo, fui deixando os meus "poemitas", numa forma um pouco envergonhada até. Mas as pessoas foram extraordinariamente queridas e fui sentindo que estava a ter uma nova casa... "o meu cantinho de cultura". Direi, com sinceridade, que foi amor à primeira vista e continuo a amar este cantinho.
Em relação à sua evolução, tenho plena confiança nos elementos que estão na administração do site e, que o seu "pai", Trabis, saberá sempre tomar conta de todos nós.

Open in new windowGodi - Vi também que é uma defensora, árdua, da dignidade na literatura e seu uso no Luso-Poemas, onde mostrou um amor verdadeiro e sincero à poesia publicada e ao site, onde também, através de sua figura, protagonizou um dos acontecimentos mais fortes e contundentes na história do Luso. Diga-nos como deve ser vista a poesia por aqueles que escrevem?
RMA - Todos devemos ter liberdade de expressão e nenhum tipo de poesia é melhor que o outro, contudo, fico triste quando a poesia é utilizada para "pequenas guerrilhas", completamente desnecessárias. O poder da palavra é tão forte que o devemos utilizar para bens maiores.

Val - Essa é a situação maior. O saber utilizar a palavra sem ocupar o espaço dos outros. Diga-nos Rosa, em alguma altura quis mudar alguma coisa no site? Quais são as coisas de que não gosta no Luso?
RMA - Sim houve uma altura em que não estava feliz neste espaço... havia muitas "quezílias". Quase que era mais importante "o caso do dia" do que a poesia em si e eu entendo que o Luso-Poemas, é um site de poesia e não de troca de “galhardetes”. Ainda bem que essa fase passou. Sinto o site mais sereno, sinto que já se respira poesia de novo.

Open in new windowGodi - E sobre os poetas do Brasil? As participações destes ajudam a dar uma cara um pouco diferente ao Luso-Poemas. Como vê, na sua ótica de autora e observadora, esta convivência?
RMA - O Site Luso -Poemas, desde sempre existiu com poetas e poetisas Brasileiros, e foi nessa sã e alegre convivência que eu palmilhei estes meses largos neste espaço de cultura. Sabes bem Cláudio, o quanto eu aprecio a vossa presença neste site, diria mais, não seria o mesmo sem vocês.

Paulo - Sei que é uma das contempladas da Poesia declamada pelo Sr. Luís Gaspar. Pode descrever-nos a sensação ao ouvir os seus poemas declamados?
RMA - Ups! Foi assim... uma delícia! Fiquei aqui, quietinha, ouvindo palavra a palavra, quase esquecendo que tinham sido escritos por mim… emocionei-me sim…A beleza e a intensidade da sua voz faz maravilhas. Quero aproveitar a oportunidade, para mais uma vez agradecer ao Senhor Luís Gaspar... ele é encantador!

Vera - Para quando um novo livro? Estás a pensar nisso? E como vês o panorama da publicação/editoras em Portugal, no caso específico da poesia?
RMA - Em relação a um novo livro... não sei mesmo responder-te Verinha. Claro que gostava, é óbvio, mas preciso de "crescer" um pouco mais...quem sabe em 2008 não me aventuro…
Em relação ao panorama da publicação/editoras em Portugal, no caso específico da poesia, sei apenas dizer que infelizmente poesia não é prioridade em muitas das editoras, principalmente para nós que somos uns ilustríssimos desconhecidos.

Open in new windowPaulo - A minha última pergunta divide-se em duas partes: O que mais pode acrescentar para que todos Lusos possam conhecer um pouco mais de si? E qual é a mensagem que quer deixar?
RMA - Respondendo à primeira parte da tua pergunta, sou uma mulher como tantas outras. Mãe orgulhosíssima de um "Sol" e de uma "Lua", casada e ainda apaixonada. Tenho na amizade um dos valores mais ricos e preciosos. Em relação à segunda parte, dizer a todos que fazem parte desta enorme família de Lusos, que me orgulho de aqui estar convosco, que vos agradeço todo o carinho demonstrado ao longo destes meses todos e, com convicção, vos digo, que o meu crescimento a nível poético é pertença de cada um de vós! Não posso terminar sem antes dizer que me senti “princesa” no meio dos entrevistadores, tão queridos, e querida… Um obrigada especial pela vossa ternura. A si Ricardo Costa… obrigada por um dia ter sonhado e concretizado “Luso-Poemas”.
Bem hajam um terno e doce beijo da Rosa.


Navegue pelos artigos
Artigo anterior Setembro 07 - Mel de Carvalho Fevereiro 2008 - Isabor Navarro Artigo seguinte
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Manuela Fonseca
Publicado: 09/01/2008 01:01  Atualizado: 09/01/2008 01:01
Colaborador
Usuário desde: 13/06/2007
Localidade: Lisboa
Mensagens: 885
 Re: Dezembro 2007 - Rosa Maria Anselmo
Rosa Maria,

Esta foi uma das mais belas entrevistas que li aqui no Luso-Poemas!

A tua simplicidade, a tua face de poetisa, o recanto das tuas palavras, a história da tua Lua, tanto de ti aqui que estremece o coração de quem te conhece como amiga, mãe, esposa e, naturalmente, poetisa, sim!

Continuo a gostar do teu cabelo na 1ª foto

Um grande beijo de carinho e amizade, para sempre***

Tua amiga
Manuela Fonseca


Enviado por Tópico
Tália
Publicado: 09/01/2008 01:21  Atualizado: 09/01/2008 01:21
Colaborador
Usuário desde: 18/09/2006
Localidade: Lisboa
Mensagens: 2503
 Re: Dezembro 2007 - Rosa Maria Anselmo
Querida Rosa

A tua entrevista está maravilhosa, simples e sincera... como tu...

Poderia descrever aqui o que sinto por ti e pela maneira que nos unes e como és amiga, companheira , mãe, irmã ... de nós todos, mas ficaria bem mais extenso que a própria entrevista.

Deixo-te por isso o silêncio a transbordar de amor e alegria de te ter aqui neste espaço e no meu coração

Beijos

E já agora tchim tchim à nossa

Vanda


Enviado por Tópico
Pedra Filosofal
Publicado: 09/01/2008 18:31  Atualizado: 09/01/2008 18:31
Colaborador
Usuário desde: 17/09/2007
Localidade: Barreiro
Mensagens: 1279
 Re: Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo
Parabéns Rosa..

É sempre bom conhecer mais um pouco de cada um dos luso-poetas. E claro, de ti nem se fala.

Mereces isto... e muito mais!!!!!

Obrigado por ti, por seres quem és, pelos poemas que escreves e que partilhas connosco. Acima de tudo obrigado.

Um beijo grande


Enviado por Tópico
cleo
Publicado: 09/01/2008 18:33  Atualizado: 09/01/2008 18:33
Luso de Ouro
Usuário desde: 02/03/2007
Localidade: Queluz
Mensagens: 3857
 Re: Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo
Esta é a Rosa que todos conhecemos desta casa, um elemento imprescindível e, como tal, respeitado e do qual todos gostamos.
A entrevista, emoldurada pelas fotos com alguns amigos e companheiros da mesma casa, está muito boa e permite-nos ficar a conhecer um pouco mais desta poetisa.
Espero sinceramente nunca a vir a perder de vista!

Beijo


Enviado por Tópico
Henrique Pedro
Publicado: 09/01/2008 18:46  Atualizado: 09/01/2008 18:46
Colaborador
Usuário desde: 28/07/2007
Localidade:
Mensagens: 3821
 Re: Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo
Olhando a peça jornalística de fora, isto é, liberto de corporativismos como homem livre que sou, limitar-me-ei a expressar palavras de aplauso e de muita simpatia para a entrevistada, cuja personalidade não conhecia, para os demais poetas envolvidos e para a dignidade e sobriedade do trabalho, que, não tenho dúvido, prestigiam este espaço em que venho participando com agrado.
(Tinha que dizer tudo de um só fôlego para poupar espaço. Desculpem.).
Abraços.
h@p


Enviado por Tópico
Luis F
Publicado: 09/01/2008 19:16  Atualizado: 09/01/2008 19:16
Colaborador
Usuário desde: 15/08/2007
Localidade: Alcochete
Mensagens: 1184
 Re: Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo
Uma grande amiga, uma grande poetisa, uma pessoa de um grande coração, sentimento e alma.

Uma bela entrevista a uma pessoa que eu estimo muito e que merece o reconhecimento de Janeiro e do Lusos, pelo que é, pelo que faz, pela sua forma de estar e de viver.

Uma amiga com um "A" grande, que me faz rir e que me acompanha quando é preciso.

Obrigado ROSA

Um bj
Luis


Enviado por Tópico
Carlos Ricardo
Publicado: 09/01/2008 19:38  Atualizado: 09/01/2008 19:38
Colaborador
Usuário desde: 28/12/2007
Localidade: Penafiel
Mensagens: 1823
 Re: Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo
Fico encantado com este encontro com pessoas, afinal pessoas vivas. No mundo virtual, para mim, têm uma existência que coloca alguns problemas de comunicação com o desconhecido e às quais dou o meu crédito sob alguma reserva desconfortável, mas este trabalho contribui para que vejamos um pouco mais aqueles e aquelas que poderão esconder-se por detrás do monitor.
Um grande aplauso para a vossa iniciativa.


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 09/01/2008 20:12  Atualizado: 09/01/2008 20:12
 Re: Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo
Ah! Querida amiga Rosa Maria, não fora aquele feioso a fazer caretas que estava com os beiços rebentados, e com uma gripe daquelas. A perfeição deste teu retrato era imaculada.

Eu que custumo dizer, que a escrita e os amigos e amigas que conheço através dela tanto me têm dado e eu pouco ou nada retribuo. TU és o exemplo perfeito disso.

De ti digo: És a poesia personificada. Para além de uma grande mulher e amiga.

Desejo-te a Ti e ao teu Ambrósio e Filhotes um 2008 Fantástico!

Um beijo abraçado.


Enviado por Tópico
PedroLopes
Publicado: 09/01/2008 20:19  Atualizado: 09/01/2008 20:19
Colaborador
Usuário desde: 02/11/2006
Localidade: Montargil-Ponte de Sor
Mensagens: 703
 Re: Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo
Que delicia ler esta tua entrevista amiga...

JInhos


Enviado por Tópico
HorrorisCausa
Publicado: 09/01/2008 20:30  Atualizado: 09/01/2008 20:30
Colaborador
Usuário desde: 15/02/2007
Localidade: Porto
Mensagens: 2699
 Re: Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo
Acredito que possa existir empatias à primeiras vista inexplicáveis, neste caso,possivelmente é a aura da cidade do Porto que me aproxima de ti, da tua escrita...nahhhhhhhhh! tens tanta luz que nem que fosses de outro planeta eu deixava de me ver reflectida.

explicar? nao se explica o óbvio.


beijo



Enviado por Tópico
MariaSousa
Publicado: 09/01/2008 21:01  Atualizado: 09/01/2008 21:01
Membro de honra
Usuário desde: 03/03/2007
Localidade: Lisboa
Mensagens: 4096
 Re: Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo
Olá Rosa Maria,

Gostei muito de conhecer um pouco mais da "nossa" Rosa.

Se já te admirava como Poetisa, agora, depois de ler esta entrevista, também te fiquei a admirar como Pessoa. Pela tua bondade para com quem mais precisa um grande Bem Haja!

A tua entrevista está muito boa e bem estruturada. Parabéns para ti e para os nossos entrevistadores que melhoram cada vez mais.

Muitas felicidades para ti!

Bjs

Maria

Enviado por Tópico
ângelaLugo
Publicado: 09/01/2008 21:31  Atualizado: 09/01/2008 21:31
Colaborador
Usuário desde: 04/09/2006
Localidade: São Paulo - Brasil
Mensagens: 14934
 Re: Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo
Querida Rosa Maria

Bebendo de sua poesia
Comento com alegria
Como é bom saber de você
Que tem estilo próprio
E muito encanta com seus versos
Sempre admiro quem
Não copia simplesmente cria
Com a alma e o coração
Sua entrevista está encantadora
Adorei saber como é a sua índole
Uma mulher de fibra
Uma mãe apaixonada
Simplesmente uma mulher
Que sabe bem o que quer
Parabéns por ser essa pessoa
Maravilhosa que és....

Um beijo e seja feliz sempre


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 09/01/2008 21:43  Atualizado: 09/01/2008 21:43
 Re: Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo
A Rosamaria, esta mulher de força maior que cria e acarinha os seus amigos com tanta beleza e ternura.
Sensível, sempre pronta para ajudar...a ouvir, a calar as lágrimas de quem chora!
Sincera, poetisa e mãe...

Obrigada querida Rosita por existires, por seres quem és...

Beijinho ternurento, desta amiga que te guardará eternamente no coração.

Conceição Bernardino


Enviado por Tópico
P.S. Alcoforado
Publicado: 10/01/2008 00:35  Atualizado: 10/01/2008 00:35
Participativo
Usuário desde: 21/09/2007
Localidade:
Mensagens: 21
 Re: Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo
Rosa, após ler a tua entrevista apenas há a dizer: uma distinção merecida, e à qual retribuiste com um registo simplesmente encantador

Um beijo

Paulo


Enviado por Tópico
Gilberto
Publicado: 10/01/2008 02:37  Atualizado: 10/01/2008 02:37
Colaborador
Usuário desde: 21/04/2007
Localidade: V.Nde GAIA-Porto
Mensagens: 1804
 Re: Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo
Os meus parabéns Rosa, por este destaque, foi muito bem entregue!

Beijinhos...

Gilberto


Enviado por Tópico
Wellington Lino
Publicado: 10/01/2008 02:47  Atualizado: 10/01/2008 02:47
Participativo
Usuário desde: 12/10/2007
Localidade:
Mensagens: 20
 Re: Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo
Pude ler alguns poemas da ilustre entrevistada e são muito bons.
Parabéns Rosa Maria, pela bela entrevista.
Abraços do Sertão, Tom Lino.


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 10/01/2008 03:31  Atualizado: 10/01/2008 03:31
 Re: Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo
Estimada Amiga ROSA MARIA

Adorei ler todo o conteúdo de sua entrevista, ficando assim a saber um pouco mais desta grande senhora e Poetisa, bem como tomei conhecimento da amizade que existe entre muitos poetas do Luso o que é muito importante.
Pude ver belas fotos e deste modo conhecer alguns amigos e amigas que diáriamente, através do Luso, partilham conosco suas belas poesias.
Muitos dos locais em Moçambique que fala são por mim igualmente conhecidos, pois lá estive em 1964.
Um abraço amigo e continuação do maior sucesso na vida sua profissional e pessoal.


Enviado por Tópico
Mel de Carvalho
Publicado: 10/01/2008 12:09  Atualizado: 10/01/2008 12:09
Colaborador
Usuário desde: 03/03/2007
Localidade: Lisboa/Peniche
Mensagens: 1562
 Re: Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo
Querida Rosita,

Foi com imenso orgulho que li esta tua bela entrevista. Ver o teu talento aqui reconhecido agrada-me profundamente. Para além do talento poético, resaltam aspectos e traços de personalidade que muito valorizo, nomeadamente os valores com que reges a tua vida e que também perfilho, como sabes: solidariedade, amizade, amor, afectos... etc.

Muito poderia dizer, mas desta vez a tua Melzita vai ser sintética ... apenas e uma vez mais: Parabéns, obrigadaaaaaaaaaa pelo tudo e pelo muito.

Beijos d(a)e Mel... buésss


Enviado por Tópico
Liliana Jardim
Publicado: 10/01/2008 12:20  Atualizado: 10/01/2008 12:20
Luso de Ouro
Usuário desde: 08/10/2007
Localidade: Caniço-Madeira
Mensagens: 4401
 Re: Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo
Gostei de ler a sua entrevista Rosamaria, é muito bom conhecer melhor os poetas deste cantinho especial, principalmente aqueles que são mais admirados e amados.

Você é uma pessoa excepcional, por aquilo que tenho lido sobre si. Um dia conhece-la-ei pessoalmente... pelo menos fica o desejo sincero.

Tudo de bom para si, poetisa


Enviado por Tópico
Le Tab
Publicado: 10/01/2008 20:13  Atualizado: 10/01/2008 20:13
Membro de honra
Usuário desde: 02/02/2007
Localidade: Lisboa
Mensagens: 1460
 Re: Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo
Queria dar em primeiro lugar os parabéns pelo destaque do mês, a seguir felicitar pela excelente entrevista. Sim sempre me senti acarinhado pelas suas palavras, sobre as suas opiniões sempre sinceras sem pudor ou odor, dizendo sempre o que acha. Sim deve continuar a pautar-se por essa sinceridade que nos brinda todos os dias, que nos faz crescer como seres humanos. Continue a presentear-nos com seu carinho, as suas palavras, sua poesia, pois será sempre bem recebida com certeza esta casa que tanto deu e recebe de você. bjs


Enviado por Tópico
q14
Publicado: 10/01/2008 20:42  Atualizado: 10/01/2008 20:42
Da casa!
Usuário desde: 02/10/2007
Localidade:
Mensagens: 247
 Re: Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo
Parabéns pelo destaque.


Enviado por Tópico
sandrafonseca
Publicado: 10/01/2008 23:26  Atualizado: 10/01/2008 23:26
Colaborador
Usuário desde: 15/08/2006
Localidade:
Mensagens: 2478
 Re: Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo
Rosa Maria,

A delicadeza da mulher e da poetisa há muito já se conhecia.
As outras faces do ser humano, em especial a mãe e o ser que se comove com a dor do outro, somam essa figura ímpar. Obrigada pelo exemplo que ofereces de atitude e verdade.
Beijo da amiga,
Sandra.


Enviado por Tópico
De Moura
Publicado: 11/01/2008 02:27  Atualizado: 11/01/2008 02:27
Colaborador
Usuário desde: 10/12/2007
Localidade: USA / NJ
Mensagens: 752
 Re: Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo
Olá Rosa Maria,

Foi um prazer conhecer-te um bocadinho... é sempre bom um acontecimento destes, onde podemos conhecer a pessoa por de trás dos lindos versos poemas.
Realmente és uma mulher admiravél, por tudo que já fizes-te na tua vida e o que fazes ainda hoje.
Por sorte podemos ver outros participantes do luso-poemas nesta tua entrevista o qual me agradou muito
Parabéns e te deseijo tudo de bom que a vida te sorria sempre... e continua escrevendo sempre porque realmente és muito boa escritora.
Um Beijo, Alcina


Enviado por Tópico
João Filipe Ferreira
Publicado: 11/01/2008 17:52  Atualizado: 11/01/2008 17:52
Colaborador
Usuário desde: 08/10/2006
Localidade: Lavra-Matosinhos
Mensagens: 1047
 Re: Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo
Muitos Parabéns pelo destaque.
é mais que merecido para alguém que de coração muito dá a este pequenino mas ENORME espaço.

Muitos Parabéns e muitas felicidades:)

beijinho :)


Enviado por Tópico
Ibernise
Publicado: 12/01/2008 00:38  Atualizado: 12/01/2008 00:38
Colaborador
Usuário desde: 04/10/2007
Localidade: Indiara(GO)
Mensagens: 1460
 Re: Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo
Parabéns Rosa Maria Anselmo, pela justa homenagem recebida. Felicidades.Beijos.


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 12/01/2008 13:45  Atualizado: 12/01/2008 13:45
 Re: Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo
Rosa Maria Anselmo, poetisa requintada, de poemas sensórios, delicados, Rosa dos comentários lisongeiros, Rosa de Portugal, de Moçambique, de Macau, Do mundo, de todos nós. Rosa maravilhosa, da voz personalíssima, Rosa cultivadora de grandes amizades, de amizades verdadeiras.
Rosa Maria Anselmo, Rosa do Luso-poemas, Rosa simples, sem narcisismo, Rosa da gente, de gente boa que és, Rosa, uma poetisa de mão cheia, moderna, classicismo moderno, Rosa merecedora desse galardão que em Janeiro acontece, mais que merecido, mais que justo, mais que na hora, a honrar a história dessa casa onde humildemente estou.
Rosa Maria Anselmo, enfim a Rosa do nosso coração!

Perdoe-me, não pude estar até o fim da entrevista por infortúnio pessoal, mas que bom louvar-te aqui.

Como se dia aqui na Bahia, e no qual adopto por ser de minha terra, Digo-te.
Muito AXÉ para você Rosa!


Enviado por Tópico
PaulaMartins
Publicado: 12/01/2008 16:08  Atualizado: 12/01/2008 16:08
Da casa!
Usuário desde: 01/11/2006
Localidade: Setúbal
Mensagens: 273
 Re: Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo
Parabéns querida Rosinha, sinto-me muito orgulhosa de ti, pela magnifica pessoa que és e pela bela poesia que ofereces.
Adorei a tua entrevista, gostei de saber um pouquinho mais de ti. Achei muito curioso e engraçado que tivesses vivido em Quelimane, a terra que acolheu o meu marido desde os 28 dias de vida até aos 13 anos de idade...
Obrigada e Bem Hajas
Um beijo deste tua amiga
Paula Martins


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 13/01/2008 16:09  Atualizado: 13/01/2008 16:11
 Re: Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo
A primeira vez que me dirigi à Rosa, foi para lhe oferecer um sorriso de alegria e de congratulação por ter ficado connosco. Lembra-se Rosa?
E hoje repito o gesto: um sorriso pela embevecimento ao ler a sua entrevista, pelo contentamento de Lhe ter sido dirigido o destaque do mês. PARABÉNS!
Houve uma parte da sua Entrevista que me tocou particularmente e uma lagrimita teimou em cair.
É por existirem pessoas como a Rosa, que a luta contra a doença oncológica também se torna possível.

Obrigada!

E mil sorrisos para a Rosa

( E que giros estão os Poetas e Poetisas desta imensa Casa..Fantásticos!!!)



Enviado por Tópico
Paloma Stella
Publicado: 13/01/2008 17:51  Atualizado: 13/01/2008 17:53
Colaborador
Usuário desde: 23/07/2006
Localidade: Limeira - SP
Mensagens: 3514
 Re: Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo
O que eu uma simples pessoa, poderei dizer de Rosa Maria Anselmo, que é uma mulher com fibra e garra como nunca vi igual.
Tem um potencial inigualável, é sensata e tem uma inteligencia magnífica.

Falar sobre ela é tão difícil. Não faz tanto tempo assim que a conheço, mas tem horas que parece que faz uma vida...
É estranho relatar algumas coisas daqui deste lado do oceano. Mas um dia, eu ainda irei estar aí deste lado, para Tirar uma Foto com todos vocês!!!!

Rosa minha querida, Parabéns pela entrevista.
E muito Obrigada pelos puxões de Orelha (rsrs) E pode continuar dando-os sempre que for necessário.
Ter sua amizade linda, é um primor que vem de Deus!!!
Obrigada por tudo!!

Parabéns!!


Enviado por Tópico
goretidias
Publicado: 13/01/2008 21:25  Atualizado: 13/01/2008 21:25
Colaborador
Usuário desde: 08/04/2007
Localidade: Porto
Mensagens: 1237
 Re: Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo
Muitos parabéns pelo prémio
Um abraço


Enviado por Tópico
Carla Costeira
Publicado: 13/01/2008 23:24  Atualizado: 13/01/2008 23:24
Colaborador
Usuário desde: 16/02/2007
Localidade: Sintra
Mensagens: 918
 Re: Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo
Olá querida Rosa,

Muitos parabéns pela magnífica entrevista, está realmente encantadora!
Encantadora, tal como a Rosa é!
Adorei conhecer-te pessoalmente, porque revelaste ser uma pessoa cheia de ternura e muito querida!
Continua a ser assim, esse ser encantador e meigo!!!
Gosto muito de ti!
Beijinhos


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 14/01/2008 10:59  Atualizado: 14/01/2008 10:59
 Re: Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo
Rosa Maria, minha amiga.
fantástica a forma como te deste nesta entrevista, apanágio da tua personalidade e da tua escrita.
Adorei conhecer-te melhor, sentir a tua personalidade a tua amizade para com todos.
É justo, preciso e oportuno o destaque que foi dado à tua pessoa no site, porque és carne deste corpo.
Um beijo grande deste teu leitor.


Enviado por Tópico
juvepp
Publicado: 14/01/2008 19:08  Atualizado: 14/01/2008 19:08
Colaborador
Usuário desde: 13/04/2007
Localidade: Machico - Madeira
Mensagens: 547
 Re: Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo
Olá, Adorei a entrevista. Fiquei a conhecer um pouco mais a mulher poeta. No seu percurso poético houve desânimos mas sempre se ergueu e com mais força criativa. Parabéns à poeta e à mulher que com a sua sensibilidade, conhecimento e saber da alma humana nos têm doado lindas e sugestivas composições poéticas. Um abraço


Enviado por Tópico
Dianinha
Publicado: 14/01/2008 19:12  Atualizado: 14/01/2008 19:12
Da casa!
Usuário desde: 08/10/2007
Localidade: Porto
Mensagens: 327
 Re: Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo
Ola Rosa!
Ainda sou muito nova aqui no Luso, mas desde que pertenço a esta família, q ue ja considero família, porque realmente aprendo muito com todos, desde o início que os seua poemas me fascinaram, têm um toque tão mágico, que me encanta mesmo...

Adorei ler a sua entrevista, só reflecte a grande mulher que é...
Desejo os meus sinceros parabéns e continuação do seu excelente trabalho!

Gosto muito de a ler!!
Beijinho grande!!


Enviado por Tópico
Cõllybry
Publicado: 15/01/2008 18:15  Atualizado: 15/01/2008 18:15
Colaborador
Usuário desde: 01/04/2007
Localidade: Porto
Mensagens: 589
 Re: Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo
Olá, linda poeta, meus parabens pelo destaque bem merecido é...

Doce meu beijo


Enviado por Tópico
JB
Publicado: 16/01/2008 15:35  Atualizado: 16/01/2008 15:35
Membro de honra
Usuário desde: 05/09/2006
Localidade:
Mensagens: 531
 Re: Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo
Grande pedaço da lingua portuguesa, uma grande autora, boas perguntas melhores respostas, e um beijinho especial a uma Rosa com um perfume raro.
JB


Enviado por Tópico
Dionísio Dinis
Publicado: 26/01/2008 21:09  Atualizado: 26/01/2008 21:09
Da casa!
Usuário desde: 15/04/2006
Localidade:
Mensagens: 203
 Re: Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo
A entrevista está reconhecidamente com uma qualidade superior, a entrevistada merece-o certamente, esta casa tributa-lhe assim o justo reconhecimento e, eu fico imensamente feliz por este acontecimento.

Parabéns amiga Rosa


Enviado por Tópico
Vera Sousa
Publicado: 31/01/2008 12:19  Atualizado: 31/01/2008 12:19
Membro de honra
Usuário desde: 04/10/2006
Localidade: Amadora
Mensagens: 4100
 Re: Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo
Rosinha, todas as palavras já foram ditas.
Eu digo apenas que é um prazer e um orgulho ter-te como Amiga. Há poucos seres como tu e só quem conhece a grandiosidade do teu ser te pode dar o devido valor!
Adoro-te minha querida Amiga linda!

Um beijo e muitas felicidades

Vera


Enviado por Tópico
Andy
Publicado: 17/04/2008 12:38  Atualizado: 01/09/2008 15:50
Colaborador
Usuário desde: 01/08/2007
Localidade: Lisboa
Mensagens: 2164
 Re: Janeiro 2008 - Rosa Maria Anselmo
Olá Rosa, nunca sou de chegar atrasado e o meu comentário a esta sua entrevista apesar de chegar quatro meses depois, foi lida (e hoje relida) no dia da sua publicação conforme tenho feito com todos os lusos destinguidos, com tão justa homenagem, apenas a minha disponibilidade de tempo tem sido desviada para "outras linhas". Mais que a entrevista, comento sim, a poeta, pois é através do que escreve, que "leio" a sua essência, ...lutadora, sensivel e duma sinceridade extrema, que coloca com naturalidade em tudo o que escreve!
Parabéns por ser como é e que continue a escrever sempre na mesma senda com que têm habituado todos aqueles que tem o privilégio de a ler.

Felicidades


Andy

Links patrocinados