https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Amor Obscuro

 
Tags:  amor    paixão    sonhos    opção    reinado  
 
Minha carruagem percorre um caminho obscuro
Apenas o luar alumia a estrada escura
Ao meu lado, Plátio, meu servo, a vigia
E atento com as mãos sobre o gládio,
tão pulcro, tão imponente, tão servil...

Chama minha atenção entre um facho de luz
Os cocheiros se apressam
Temos que correr, o tempo urge
Já não podemos esmorecer
Fico me lembrando da minha coroação
Não sou rainha por opção, sou por coação.
Meu reinado por um amor.
Meu amor por uma paixão.

Devota sou de coração, mas farta estou desta condição.
Por um momento trocaria tudo.
Meus vestidos de seda, minhas jóias raras
Minhas aias, minhas anáguas
Meu reinado por um amor.
Meu amor por uma paixão.

Percebo então que não tenho opção
Não há escolha, não há mais tempo
Meus sonhos são surreais
Meu reinado por um amor
Meu cetro por uma paixão
Que não verei nunca mais.


Cláudia Banegas

 
Autor
Cláudia Banegas
 
Texto
Data
Leituras
2780
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
9 pontos
9
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
antóniocasado
Publicado: 09/01/2010 19:08  Atualizado: 09/01/2010 19:08
Colaborador
Usuário desde: 29/11/2009
Localidade:
Mensagens: 1657
 Re: Amor Obscuro
Ola

Apesar de tudo há sempre uma oportunidade. Já considerou a hipótese de dizer: Não!
A busca do amor é um acto manifesto na nossa vida, cujo objectivo é proporcionar-nos a felicidade. Virar costas não é opção.

Está lindo o poema.
antóniocasado


Enviado por Tópico
vanriz
Publicado: 09/01/2010 19:20  Atualizado: 09/01/2010 19:20
Da casa!
Usuário desde: 19/10/2009
Localidade: São Paulo - SP
Mensagens: 437
 Re: Amor Obscuro
O amor não prisão!
Não é estrada obscura!
Ja ouviu a frase:
Por livre e espontãnea vontade!

O poema esta lindo!
Força e Abraço!
Van


Enviado por Tópico
amandu
Publicado: 09/01/2010 19:27  Atualizado: 09/01/2010 19:27
Colaborador
Usuário desde: 24/03/2008
Localidade: LISBOA
Mensagens: 3651
 Re: Amor Obscuro
GRANDE POEMA. ACERCA DA DIVINDADE DE LERMOS AS MÃOS SEM AS VERMOS ASSIM O INTERPRETEI.
BONITO O SEU JEITO BONITO DE FALAR E DE AMAR.
DEUS ESTÁ SEMPRE NO MUNDO.
ABRAÇO.
AMANDU


Enviado por Tópico
virginiaalencar
Publicado: 10/01/2010 00:04  Atualizado: 10/01/2010 00:04
Colaborador
Usuário desde: 10/05/2009
Localidade: Teresina-Piaui
Mensagens: 744
 Re: Amor Obscuro
claudia eu sempre digo que quem ama..passa por uma
Universidade.. A Universidade do AMOR.. so que quem ama..tem saber dar-se muito..para receber em dobro..e quem não sabe Amar.. nao se da bem com o Amor.. mas o Amor e lindo..lindo seu poema e muito claro virginia


Enviado por Tópico
lordbyron
Publicado: 11/01/2010 23:02  Atualizado: 11/01/2010 23:02
Muito Participativo
Usuário desde: 03/01/2010
Localidade: São Paulo/ SP- Brasil
Mensagens: 59
 Re: Amor Obscuro
Este poema é uma criação inspirada no
[purple]DESAFIO LITERÁRIO ROLETA RUSSA http://poesiaretro.blogspot.com/search/label/ROLETA%20RUSSA[/purple]

Quem quiser participar, deve clicar no link acima...