https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Sem pudor amei-te

 
Tags:  energia    desnuda    driblar  
 
Desnuda e sem pudores
amei-te sem receios de culpa
mostrei-me mais do que devia
suor e calor de sua pele vinha
enquanto a mente longe me parecia
mesmo o corpo estando presente
da mente nada eu tinha
já a minha só a ti pertencia
a forte energia que meu copo sentia
me fez driblar o tempo e me entregar
como a muito não fazia
anos luz nos separava
mas o desejo nos unia....

-Que delÍcia este dia!!!!


Carmen

 
Autor
BELLAS
Autor
 
Texto
Data
Leituras
790
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Avozita
Publicado: 24/03/2010 21:48  Atualizado: 24/03/2010 21:48
Colaborador
Usuário desde: 08/07/2009
Localidade: Casal de Cambra - Lisboa
Mensagens: 4533
 Re: Sem pudor amei-te
Que delicia de poema!

Lindo, gostei de ler.
Beijo
Antonieta