https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Meu Alentejo

 
Neste meu lento Alentejo, fui nascida e criada.
Pois é nele que me vejo, feliz e apaixonada!
Ainda lembro outros tempos, em que a sombra do chaparro,
acolhia meus pensamentos e arrefecia o meu tarro.
Foi debaixo de uma azinheira, que me roubaram um beijo.
Assim, não fiquei solteira. Meu querido Alentejo!
Terras secas e grandes searas, com um sol abrasador.
Fiz das espigas lindas tiaras, para seduzir o meu amor.
De manhã pela fresquinha, vamos á apanha do grão.
Era eu bem novinha, não esqueço esse verão.
Que saudades desse tempo, coisas que ficam na memoria.
Alentejo é meu alento, minha vida, minha história.


 
Autor
Rosalia
Autor
 
Texto
Data
Leituras
853
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
rosafogo
Publicado: 13/07/2010 19:08  Atualizado: 13/07/2010 19:08
Colaborador
Usuário desde: 28/07/2009
Localidade:
Mensagens: 9599
 Re: Meu Alentejo
O Alentejo é lindo tal qual tua poesia, aqui o deixas bem retratado na tua escrita, que eu amei ler.

beijo
rosa