https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Sombrios : 

a prostituta

 
ela alugava fitas que não assistia
e freqüentava o bar mais sujo da cidade
um dia olhou para o espelho
e descobriu que era bonita
e que tinha talento para prostituta.
resultado: nunca mais alugou nenhum filme
e passou a beber somente no quarto
onde ninguém sabe se ela montou
um negócio



Úmero Card'Osso

 
Autor
umero
Autor
 
Texto
Data
Leituras
800
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.