https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

BAIRROS DO FADO

 
BAIRROS DO FADO

Os restaurantes de Alfama
D’ambiente requintado
São atracção que nos chama
A grandes noites de fado.

O fado hoje é senhor
Com muito orgulho o exalto
É cantado com primor
Nas casas do Bairro Alto.

Tabernas da Mouraria
Já não há quem fale delas
Como eterna nostalgia
São do fado hoje aguarelas.

Nasceu Maria Severa
No Bairro da Madragoa
Do nosso fado fizera
Então canção de Lisboa !...

Euclides Cavaco

 
Autor
EUCLIDES CAVACO
 
Texto
Data
Leituras
3038
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 14/08/2007 00:58  Atualizado: 14/08/2007 00:58
 Re: BAIRROS DO FADO
Tudo aquilo queé fado, é somente dos nossos bairros tradiconais de Lisboa.
Locais onde canta até ao fim, são eles Alfama, Bairro Alto e Madragoa, por onde esses cantores, cantam até que a voz lhes doa.

Gostei do poema dedicado a um ritmo muito musical da nossa capital.

Abraços

Enviado por Tópico
Paulo Afonso Ramos
Publicado: 14/08/2007 01:07  Atualizado: 14/08/2007 01:07
Colaborador
Usuário desde: 14/06/2007
Localidade: Lisboa
Mensagens: 2094
 Re: BAIRROS DO FADO
Bonita Homenagem ao Fado e a Lisboa!
O tempo vai acabando com algumas tradições e culturas populares... e é pena!

Gostei muito deste poema

Abraço