https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

vem-me este sabor

 
vem-me este sabor
de silêncios à boca
e o teu olhar penetrante
em meu medo calar as palavras
para as poder ouvir
e sinto o cheiro da tua alma
perfumada de luar
e só assim chego a ti

mas eu tenho que partir
tenho receio de por ti poder
sentir um amor eterno
tão intenso aos meus sentidos
tão demasiado à minha alma

e me faz temer mais ainda
por ser tão breve esta vida
tão frágil este viver
que não sei se lhe resisto
e se o posso deter
pois é tão imenso este sentir
(não, não o queiras sentir!)
em tão pequeno ser
em mim ele não pode caber



Jorge Oliveira

VISITE E COMENTE O MEU BLOG

Mais poemas em:


http://afacedossentidos.blogspot.com/

 
Autor
quidam
Autor
 
Texto
Data
Leituras
624
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
5 pontos
5
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Ledalge
Publicado: 16/11/2010 21:38  Atualizado: 16/11/2010 21:38
Colaborador
Usuário desde: 24/07/2007
Localidade: BRASIL
Mensagens: 6880
 Re: vem-me este sabor
Poesia de entrega total. Maravilhosa!

Abraço amigo

Enviado por Tópico
EuniceContente
Publicado: 16/11/2010 21:52  Atualizado: 16/11/2010 21:52
Colaborador
Usuário desde: 06/07/2009
Localidade:
Mensagens: 532
 Re: vem-me este sabor
Gosto , gosto, gosto!

Enviado por Tópico
mim
Publicado: 16/11/2010 22:47  Atualizado: 16/11/2010 22:47
Colaborador
Usuário desde: 14/08/2008
Localidade:
Mensagens: 2858
 Re: vem-me este sabor
Saudades dos teus poemas lindos de alma grande!

Beijos

Enviado por Tópico
Vania Lopez
Publicado: 16/11/2010 23:44  Atualizado: 16/11/2010 23:44
Colaborador
Usuário desde: 25/01/2009
Localidade: Pouso Alegre - MG
Mensagens: 17658
 Re: vem-me este sabor
Saudades é muito pouco pelo tempo em que fez falta.
Voltas com tua marca e beleza inconfundível! Obrigada. bjs pra ti

Enviado por Tópico
ângelaLugo
Publicado: 18/11/2010 17:57  Atualizado: 18/11/2010 17:57
Colaborador
Usuário desde: 04/09/2006
Localidade: São Paulo - Brasil
Mensagens: 14964
 Re: vem-me este sabor p/ quidam
Caro Jorge

Que maravilha de poesia
assim é a vida, como um vidro
de tão transparente as vezes
tememos que ele se rompa e a vida
assim termine, mas cada amanhecer
temos uma nova razão para viver a da
Esperança de tudo vencer...
Parabéns pelo lindo poema

Beijinhos no coração