https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Sombrios : 

Animal Retardado

 
Muitas vezes sou perseguido
Dando voltas na imaginação
Sempre ando protegido
Mas nem sempre estou vivo
Sou preso, solto, livre.
Tenho asas, cauda, chifres.
Às vezes corro e ando
Em alguns pontos eu comando
Tento não ser visto
O fogo é o meu lar
Meu lar não é perigo
Perigo é não saber nadar.
Sou rico por completo
Tenho o que eu quero
Não sei falar correto
Eu sempre como quieto
Sempre odiei quiabo
Nunca estive atrasado
Tenho muitos pecados
Prazer, eu sou o diabo!

 
Autor
Patrick_Spolti
 
Texto
Data
Leituras
735
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.