https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Eu sou noite ...

 
Eu sou noite!
E vim de parte incerta.
Espaço que não existe ...

Eu sou noite!
Sou vento que resiste - que insiste ...
Vim amar-te - sem meta!

Cheguei e estou aqui!

Eu sou a tua noite, agora,
sem tempo, nem hora ...


Ricardo Louro
no Estoril


Ser Poeta é exilio
num pais de condenados
um tormento infinito
de mil olhos rejeitados!

Ricardo Maria Louro

 
Autor
Ricky
Autor
 
Texto
Data
Leituras
670
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.