https://www.poetris.com/
Poemas : 

Exercício Poético (Do Acto Sexual)

 
A sedosa sensação do toque
Que transpira desejos, frio
Sabe-se doce, agridoce
Nas mãos nuas de sedução
O olhar perdido em choque
Solta uma lágrima de alívio
No som mudo que a trouxe
Olhos loucos, verde-limão

A pele levemente arrepiada
Soluça ar quente, ofegante
Os dedos afagam o cabelo
Apertam o cetim dos lençóis
Gritam por nada, mais nada
Num acto herético e elegante
Funde-se no último apelo
Do gozo de mil sóis

A tristeza esboçada no sorriso
De quem engana os incautos
É sedenta de tudo, tudo mais
Deste mundo, nosso mundo
O coração que bate preciso
Enfeitado de desejos lautos
Loucos sem outros iguais
É meu, é teu, moribundo


A Poesia é o Bálsamo Harmonioso da Alma

 
Autor
Alemtagus
Autor
 
Texto
Data
Leituras
75
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
10 pontos
2
0
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Tonton
Publicado: 18/05/2017 19:54  Atualizado: 18/05/2017 19:54
Da casa!
Usuário desde: 13/09/2016
Localidade:
Mensagens: 461
 Re: Exercício Poético (Do Acto Sexual)
lindo