(1) 2 3 4 ... 26 »
Offline
Alemtagus
Exercício Poético (Do Livro de Condolências)
Frente a frente com o último juízo Conto o tempo que à vida faltou Letra a letra, minuto a minuto...
Enviado por Alemtagus
em 19/02/2017 11:36:01
Offline
Alemtagus
A Carta Que Nunca Te Escrevi ou a Simples Confissão do Meu Maior Crime (Parte XXXIV)
Olho para ti e faço-me deslizar nos contornos do corpo, pela minha mão levo o aparo da caneta a d...
Enviado por Alemtagus
em 18/02/2017 12:41:52
Offline
Alemtagus
Exercício Poético (De Outra Rua)
O muro está mais alto O longo dia encurta... A distância cega O medo do novo salto, Leva a vida i...
Enviado por Alemtagus
em 08/02/2017 19:11:19
Offline
Alemtagus
Exercício Poético (Da Velha Dor)
Quanto mais te conheço... Mais te estranho Desconfio do teu contorno A suavidade da tua voz Tua v...
Enviado por Alemtagus
em 05/02/2017 12:58:11
Offline
Alemtagus
Exercício Poético (Da Mulher)
Mulher, quando tu choras Pelo amor que ignoras Recusas e depois devoras A pálida noite escurece F...
Enviado por Alemtagus
em 01/02/2017 19:15:45
Offline
Alemtagus
Exercício Poético (Da Natureza Morta)
O Mundo é do Mundo Da solidão que o semeia O Homem mudo De gananciosa verborreia A Lei é do Home...
Enviado por Alemtagus
em 31/01/2017 19:22:23
Offline
Alemtagus
Exercício Poético (De Alguns Espelhos)
Eu sou algo que nada é Vento gelado na face Resposta sem questão Gente estranha sem fé Artimanha ...
Enviado por Alemtagus
em 27/01/2017 19:04:11
Offline
Alemtagus
Exercício Poético (Do Alegre Porre)
Vou pegar o último trem, Me exibir feito um louco Sem um único vintém Cantando afinado e rouco U...
Enviado por Alemtagus
em 26/01/2017 19:12:42
Offline
Alemtagus
Exercício Poético (Das Cores Cinzentas)
Tento ser novo ser Crescer sem me conter Dar vida sem a temer Sentir o mundo correr Como um velh...
Enviado por Alemtagus
em 21/01/2017 13:03:39
Offline
Alemtagus
Exercício Poético (Do Infeliz Toureio)
O sangue escorre pela arena Envaidece de sede e amargura O ego triste do matador A besta morreu s...
Enviado por Alemtagus
em 20/01/2017 19:06:00
Offline
Alemtagus
Prostituta (Reedição)
Perdi-me em paixão carnal, No desejo feito de prazer Pelo querer dos homens, Dos falsos amantes Q...
Enviado por Alemtagus
em 19/01/2017 18:52:36
Offline
Alemtagus
Exercício Poético (De Outra Paixão)
Escreves de ti tanta paixão Letras soltas em solidão Que voam livres em bando Sem saber como e qu...
Enviado por Alemtagus
em 18/01/2017 18:56:11
Offline
Alemtagus
Exercício Poético (Da Vontade de ser Criança)
Num abraço do tamanho do teu mundo Entre músicas d'água a correr na fonte A cor dos teus olh...
Enviado por Alemtagus
em 11/01/2017 19:24:51
Offline
Alemtagus
Exercício Poético (Do Outro)
Nas tuas janelas cor de mistério Onde abundam rios de amargura, Nascem restos do nosso adeus Sete...
Enviado por Alemtagus
em 06/01/2017 19:18:20
Offline
Alemtagus
Exercício Poético (De Nada)
Nada, absolutamente nada Tudo sem um mero sentido Uma indicação, um caminho Uvas sem sabor, sem v...
Enviado por Alemtagus
em 05/01/2017 18:58:08
Offline
Alemtagus
Exercício Poético (Da Falta de Espaço)
A dor silencia o beijo Que acalma o ego Numa zoada infernal Abafada pelo ensejo Do martelo no pre...
Enviado por Alemtagus
em 04/01/2017 18:18:54
Offline
Alemtagus
Exercício Poético (Do Inusitado Inferno)
Contorço os frágeis céus... Céus devoradores d'almas Gatunos de sóis e luas As virgens puras...
Enviado por Alemtagus
em 03/01/2017 18:13:05
Offline
Alemtagus
Exercício Poético (Da Inocência)
O vento frio na cara do petiz Qual folha a tremer no peito A lembrar poesia de Neruda Fez olhar e...
Enviado por Alemtagus
em 02/01/2017 12:34:29
Offline
Alemtagus
Síria
Por esses rios Olhos loucos Vêem dias frios Mortos aos poucos Largam as memórias Das sombras pass...
Enviado por Alemtagus
em 01/01/2017 12:06:57
Offline
Alemtagus
Exercício Poético (Da Falta de Sentido)
Colho sempre um pouco de nada, O mar silencioso que canta a Sul Entre pássaros de alado caminhar ...
Enviado por Alemtagus
em 27/09/2016 18:10:43
(1) 2 3 4 ... 26 »