https://www.poetris.com/

 
(1) 2 3 4 ... 29 »
Offline
Alemtagus
Tempestade
Deserto solta-se o corpo rasgado Pelos ventos e as areias, facas Que cortam afiadas a vontade De ...
Enviado por Alemtagus
em 22/09/2019 18:29:54
Offline
Alemtagus
Dois Dedos de Conversa
Deixei de ser gente... Qualquer coisa importante Como um simples olhar Que chora e se sente Algué...
Enviado por Alemtagus
em 29/04/2019 19:10:13
Offline
Alemtagus
A Incomensurável Leveza de um Poema
A letra desliza pura e inocente Na ignorância do espaço vazio Moldado em palavras sem ordem Grita...
Enviado por Alemtagus
em 21/04/2019 19:22:40
Offline
Alemtagus
9º Solilóquio (Labirintos)
Verde te sentes quando me lês Nesse ar insensível de vergonha Derretido em lágrimas ignorantes Re...
Enviado por Alemtagus
em 04/02/2019 18:41:31
Offline
Alemtagus
8º Solílóquio (Namas-tibet)
Tu, Homem que lês sem ler Esfomeado de coisas poucas Soltas a voz em gargarejos Ao sentires no pe...
Enviado por Alemtagus
em 30/01/2019 19:17:56
Offline
Alemtagus
7º Solílóquio (Árvore)
Sempre que batem entre si As folhas da árvore cantam Em brincadeiras de miúdos Lembram um olhar q...
Enviado por Alemtagus
em 28/12/2018 18:58:51
Offline
Alemtagus
6º Solílóquio (Loucura)
Soltas num olhar perdido Voam loucas sem rumo Sem mar, sem chão Palavras que tenho lido Fogo lent...
Enviado por Alemtagus
em 26/12/2018 18:54:34
Offline
Alemtagus
5º Solilóquio (Caminhos)
As pedras amaciadas pelo vento Segredam entre si breves segredos Que passam de chão em chão Atira...
Enviado por Alemtagus
em 18/10/2018 18:18:18
Offline
Alemtagus
4º Solilóquio (Etéreo)
Quatro pedras sós Mãos entrelaçadas Numa brisa leve Dois olhares de nós Alegrias choradas Num flo...
Enviado por Alemtagus
em 30/09/2018 12:55:36
Offline
Alemtagus
3º Solilóquio (Letra)
Desabrocha uma letra livre e só A palavra escrita, de velha, morre O mundo rodopia sobre si, qual...
Enviado por Alemtagus
em 03/08/2018 18:55:53
Offline
Alemtagus
2º Solilóquio (Silêncios)
Solta ávida a tua voz acorrentada Nas palavras que gastas empurro E ecoam nuns passos apressados ...
Enviado por Alemtagus
em 13/07/2018 19:10:41
Offline
Alemtagus
1º Solilóquio (Beleza)
Quem és tu? De que olhos vens? És alegria ou tristeza? Não vestes um corpo nu Não vales mais do q...
Enviado por Alemtagus
em 09/07/2018 18:51:30
Offline
Alemtagus
Último Poema para Minha Mãe
Nem sei o que receio Se da morte a tua paz Se do mundo tanta tristeza Sei apenas que me perco Iní...
Enviado por Alemtagus
em 25/03/2018 23:45:35
Offline
Alemtagus
Pequeno Poema para uma Mulher
Abraças com um sorriso o teu filho Que se aconchega em teu regaço Onde seca lágrimas, mata o medo...
Enviado por Alemtagus
em 08/03/2018 12:48:40
Offline
Alemtagus
Exercício Poético (Abstracto)
O silêncio segreda-me ao vento Longas histórias velhas do mar No bater das asas migrantes Desses ...
Enviado por Alemtagus
em 26/02/2018 19:06:48
Offline
Alemtagus
Pelas Tuas Palavras
O menor pensamento do poeta só Soletra cada dia que passa ou fica Ante os dedos da folha branca n...
Enviado por Alemtagus
em 03/01/2018 18:20:18
Offline
Alemtagus
Natal
A noite cai sempre de igual maneira Sempre o mesmo para ti e para mim Mas esta... esta é não! É m...
Enviado por Alemtagus
em 23/12/2017 11:59:48
Offline
Alemtagus
Exercício Poético (Da Declaração)
Se um dia disser como te sinto Libertar num segredo estes nós E depois chegar de novo a viver Sab...
Enviado por Alemtagus
em 06/09/2017 19:08:29
Offline
Alemtagus
Dança a Dois
Quatro braços entrelaçados Acolhidos por quatro beijos Em danças a quatro passos Mornos sabores a...
Enviado por Alemtagus
em 25/08/2017 19:18:45
Offline
Alemtagus
Sem Terra e Sem Mar
Virar do avesso a noite e o dia Sem sentir medo de ser gente De dar passos curtos em frente De so...
Enviado por Alemtagus
em 22/08/2017 19:09:36
(1) 2 3 4 ... 29 »