https://www.poetris.com/
 
Sonetos : 

O meu amor

 
Tags:  amor    poema    coração    poemas    que    meu    com  
 
O meu amor é louco
tem nervos de mulher
tem tudo e tão pouco
do que na vida se quer.

O meu amor é guerreiro
vestido com carinhos em seara
que duram o tempo inteiro
e da alma nada os separa.

O meu amor mora com a idade
num baile de idiomas gentios
com requintes de luminosidade
são sentimentos de todos os estios.

Ó meu coração, tu flamegas o olhar
inundas as ermas circunstâncias
quando aos pulos sinto-me amar
nos píncaros de todas as distâncias.
 
Autor
José António Antunes
 
Texto
Data
Leituras
676
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 23/08/2008 11:28  Atualizado: 23/08/2008 11:28
 Re: O meu amor
Ó meu coração, tu flamegas o olhar... o meu amor tambem é louco!
Muito bom como sempre,beijos.