https://www.poetris.com/
Poemas : 

Meu Pulsante Coração

 
Vejo nos teus olhos tanta tristeza
Que os meus se afundam em delírios
Suntuosos prantos que formaram rios
Se indo para mares de infindas grandezas.

Faz ser criança o meu ser, o teu sorriso
A tua inocência me traz contento e satisfação.
A candura que brota de ti acoberta meu espírito
Numa manta que acalanta o meu pulsante coração.

Meu pulsante coração...
Um marinheiro em águas bravias
Contra a correnteza , olhos ao poente
Sem sequer saber se a sua frente
Vem descortinar a morte ou maravilhas.

Descortinar a morte ou maravilhas
De preferência num dia azul e a tarde
Quando o vento sopra , o cão faz alarde
E o sonhos-pássaros se vão a milhas e milhas...

E milhas e milhas...
Numa velocidade um tanto lenta e mansa
Singrando o céu com minhas poderosas quilhas
Recortando horizontes repletos de manchas
Sobrevoando casas feitas de argilas
Com minhas antenas numerosas
E minhas chinelas argentinas
Por nuvens pratas e cor de rosas
Ave de sonhos pela esfera azulina.


O que seria a morte então? Uma dádiva
Vinda diretamente dos recantos do céu
Para aquele que melhor viveu ou não a vida?

Ou seria apenas o final de uma estrada comprida
Onde os vestígios passados a uma Eurídice não se equivaleria
Para que os olhos sedentos de um sol não olhassem para
Trás?

Se não faz sentindo tanto fez ou tanto ou faz.
Olho vivo, faro fino, cautela e caldo de galinha,
Uma dança flamenga ou nordestina...
Jesus cristo ou Barrabás?

Viveu ou não a vida...
Sempre escolhas se tem.
Depende de como se diferencia o que é Mal ou Bem.
Saber onde começa uma tarefa térrea
E o que determina o que é uma divina.



Gyl Ferrys

 
Autor
Gyl
Autor
 
Texto
Data
Leituras
170
Favoritos
3
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
34 pontos
4
3
3
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Volena
Publicado: 13/01/2018 00:24  Atualizado: 13/01/2018 00:24
Colaborador
Usuário desde: 10/10/2012
Localidade:
Mensagens: 11682
 Re: Meu Pulsante Coração P/Gyl
Todas as escolhas têm prós e contras melhor será aprender a equilibrar a razão com o coração e ir à procura da felicidade pulsátil do Paraíso. Apreciei e gostei muito como sempre abraço amigo Vó


Enviado por Tópico
Nanda
Publicado: 14/01/2018 16:48  Atualizado: 14/01/2018 16:48
Colaborador
Usuário desde: 14/08/2007
Localidade: Setúbal
Mensagens: 11130
 Re: Meu Pulsante Coração
Gyl,

O pulsante coração do poeta, sempre sensível.

Um beijo
Nanda