https://www.poetris.com/
Poemas : 

A pátria amada idolatrada, salvem, salvem! !

 




Eis que há espadas florescendo entre
flores e sangue
concorrendo
com rios

Como cuidar das
flores, sem ferir-se...
Como mergulhar
nos rios sem no sangue se manchar?

como enxergar
o lado de fora
sem deixar cego
o lado de dentro?

Não, não "podeis,
a pátria, filhos,
ver contente a
mãe gentil..."









beirando um mar infinito

 
Autor
MyrellaCasav
 
Texto
Data
Leituras
146
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.