https://www.poetris.com/
Poemas -> Saudade : 

Longe dos seus olhos

 
Lembro-me o tempo bom que se foi
A saudade de ver a luz do luar
Com você me mostrando as estrelas
E dando nomes a elas e sorrindo.
Seus olhos brilhavam como elas
E eu sempre me encantei com o seu olhar.
E você sorria
E seu sorriso sempre tão singelo
Me contagiava e eu amava tudo isso.
Longe dos seus olhos tudo é saudade
O mundo gira devagar
E não sinto a brisa das noites
Tão quentes desfrutadas ao seu lado.
Longe de seus olhos não há esperança
Pois, falta a beleza de sua alma
Que sempre me encantou.
Dizer que sinto sua falta não é o bastante
Para expressar a tristeza
Que invade meu coração
Nas noites frias da solidão.
Longe dos seus olhos
Vou caminhando sozinho
Na esperança de um dia
Vê-los brilhar outra vez.

Poema: Odair José, Poeta Cacerense

 
Autor
Odairjsilva
 
Texto
Data
Leituras
83
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.