Poemas : 

Gone

 
Bury me in the depths of your heart,
Embrace me in your cold solace,
Whisper to me works of dark,
That strengthens me to confront the light I face.
Keep me blind and wandering,
In the ruins of the abyss,
I no longer belong,
To this world amiss.
Dig me up from the memories,
Of the late and present
Pulverise every seed of my existence.
I never was.
Strip me naked of myself
There is nothing for me to leave behind
There is nothing for me to take.
Gone without a trace.


When Injustice
Becomes Law.
Rebellion
Becomes A Duty








Desculpem-me de so por poemas em ingles
ainda nao ganhei a inspiracao de fazer poemas em portugues... lol muito tempo nesta ilha.

 
Autor
Rico
Autor
 
Texto
Data
Leituras
410
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 06/11/2020 23:58  Atualizado: 06/11/2020 23:58
 Re: Gone
tás bonito tás, muito bonito. lol
camisinha cinturada, penteado a condizer. de english men... vejo pouco... talvez parecido com o charles, o filho da velhota... eu vou ser expulso outra vez, merda. no meu tempo os poetas apresentavam-se doutra forma mas pronto, tudo bem. agora os poetas só sabem escrever inglês sem acento no ó... o mundo morreu por causa das coisas bonitas. no meu tempo despenteávamo-nos para ficarmos bonitos. eu fazia uma daquelas cristas à punk com detergente da loiça... a brilhantina era cara e...
eheh gostei