https://www.poetris.com/
Poemas : 

Júbilo

 
Há uma arte que me diz
num narcótico momento
que
não há céu maior
do que o calor da tua palavra

em mim inscrita

espiralada

com a força do lume brando
e o perfume a lar


Sou fiel ao ardor,
amo esta espécie de verão
que de longe me vem morrer às mãos
e juro que ao fazer da palavra
morada do silêncio
não há outra razão.

Eugénio de Andrade

Saibam que agradeço todos os comentários.
Por regra não respondo.

Queria aproveitar esta oportunidade para dizer que tenho tido dificuldade em aceder à secção de mensagens privadas. Isto é, consigo ler as recebidas, mas não consigo responder e tenho acesso negado quando quero apenas enviar alguma.
A quem me tem contactado, um forte abraço e os meus perdões.
 
Autor
Rogério Beça
 
Texto
Data
Leituras
92
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
14 pontos
2
2
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
(Namastibet)
Publicado: 09/01/2021 18:38  Atualizado: 13/01/2021 16:34
Subscritor
Usuário desde: 03/12/2020
Localidade: .
Mensagens: 240
 .
.

Enviado por Tópico
karinna*
Publicado: 15/01/2021 04:41  Atualizado: 15/01/2021 04:41
Da casa!
Usuário desde: 26/11/2017
Localidade:
Mensagens: 238
 Re: Júbilo
*há tanta poesia em poucas palavras...
Senti o júbilo do estar, do acolher, do sentir-se no seu lugar no mundo.
"-e a palavra era seu amor-k*

Abraço de admiração
K*