https://www.poetris.com/
Poemas -> Tristeza : 

PELO ESPAÇO

 
Tags:  poema  
 
PELO ESPAÇO
(Jairo nunes Bezerra)

Navego neste avião da gol há horas,
Sigo em busca de destino incerto...
Vislumbro as nuvens agora,
Liberadas no meu espaço deserto!

O avião segue com a mesma velocidade,
Exibindo as nuvens de cores variadas...
Os raios solares avançam com tenacidade,
Seguindo a sua rotina esquematizada!

E a vértice do sono de mim se apropria,
Isso realmente não queria,
Excitando uma grande revolta!

Rasteio pela conquista de novo espaço,
Expondo o meu cansaço,
Prevendo o que não tem volta!





 
Autor
Jairo Nunes Bezerra
 
Texto
Data
Leituras
75
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.