https://www.poetris.com/
Sonetos : 

Eu Amo

 
Eu amo a esperança que há no mundo
quando nós andamos de mãos dadas
e amo a vasta calma que há no fundo
das horas que a vida traz marcadas!

Amo os abismos que se alinham
em cada minuto que vivemos
e até das coisas que se adivinham
eu amo a esperança que perdemos!

Só não amo o que amo por amar!
Não sei amar o que não sinto
nem sinto amor se não me tocar ...

A vida é muito mais que instinto:
um abraço, um beijo, um olhar,
o gesto de ternura de um faminto!

Ricardo Maria Louro
Em Évora


Ser Poeta é exilio
num pais de condenados
um tormento infinito
de mil olhos rejeitados!

Ricardo Maria Louro

 
Autor
Ricky
Autor
 
Texto
Data
Leituras
130
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
3 pontos
1
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Erotides
Publicado: 02/03/2021 20:50  Atualizado: 02/03/2021 20:50
Colaborador
Usuário desde: 26/02/2020
Localidade: BRASIL
Mensagens: 818
 Re: Eu Amo
É quase impossível resistir a uma ternura de um faminto.

Exeto : quando o já é conhecido