https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Vazio

 
e a tardinha que mais te recordo,
a tua silhueta no luz fusco,
sentada no paial,
enquanto as primeiras estrelas galgam no céu,

e assim que apareces nos meus sonhos,
teu rosto tem sempre um sorriso,
por vezes estendes-me a mão
e abraças-me,

são tão longínquas estas memorias,
pergunto se serão verdadeiras?

Que ferida ficou por sarar,
no amanhecer da vida,

é sempre o vazio que me move,
o vazio deixado por ti,

 
Autor
Rafaeldesousa
 
Texto
Data
Leituras
223
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Esqueci
Publicado: 11/08/2021 22:26  Atualizado: 11/08/2021 22:27
Da casa!
Usuário desde: 02/11/2019
Localidade:
Mensagens: 425
 Re: Vazio
As memórias nunca são iguais ao vivido, umas esquecemos, outras parecem mais vivas, mas fica a dúvida, nas alterações dos detalhes. A mim não me acontece muito, mas eu tenho um problema de amnésia,o que me dificulta para umas coisas, mas, para outras até é bom:) Já o vazio é sempre o mesmo.

Gostei muito de ler.

Um abraço

Enviado por Tópico
Mr.Sergius
Publicado: 12/08/2021 23:13  Atualizado: 12/08/2021 23:13
Colaborador
Usuário desde: 14/08/2018
Localidade: Luxor (Egito) / काठमाडौं (Nepal)
Mensagens: 1083
 Re: Vazio
Será que todas as memórias que nos vêm são nossas mesmo ou apenas sintonizamos - como o rádio sintoniza a estação - algo de quem passou antes por ali? O vazio, infelizmente, nos pertence inexoravelmente. Saudações!