Poemas : 

Por coisa nenhuma e por uma coisa de nada...

 
És o meu amor de coisa nenhuma..
e por coisa nenhuma assim te fizeste em mim...
Se o mar tivesse voz e não um rugido rabugento...
à muito que teria dito...
Basta, desta onda alucinada
tu não levas mais nada!
E eu teria deitado as lágrimas na areia..
teria escondido o rosto num rio improvisado
e só quando o mar
me cuspi-se para fora
eu saberia a verdade...
e não precisaria de coisa nenhuma
para a saber...
Que és um gesto no meu olhar...
uma gota de luz sombria
que na cor disfarça
todas as sombras...
Arco-íris de tudo e todos os sabores
a rasgar-me o céu
com a boca cheirando a fumo
e eu não morro sufocada...
habituo-me ao teu gosto
e fumo-te os lábios
até à exaustão dos meus pulmões...
E assim..
por coisa nenhuma e por uma coisa de nada
aqui ficaste no meu corpo...
a atravessar a minha alma
de lès a lés
como se eu fosse um quilómetro ainda por percorrer
mas já tão batido pelos teus passos
que em pouco tempo
lhe adivinhaste toda a paisagem...
E o que nasceu por coisa nenhuma
parece querer morrer por uma coisa de nada...


Daniela Pereira
Direitos Reservados

 
Autor
DanielaPereira
 
Texto
Data
Leituras
2393
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
5 pontos
5
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
João Videira Santos
Publicado: 02/07/2008 09:38  Atualizado: 02/07/2008 09:38
Da casa!
Usuário desde: 23/11/2006
Localidade: LISBOA
Mensagens: 354
 Re: Por coisa nenhuma e por uma coisa de nada...
Um poema com imagens que aprecio

Enviado por Tópico
salomé
Publicado: 02/07/2008 10:10  Atualizado: 02/07/2008 10:10
Da casa!
Usuário desde: 25/01/2008
Localidade:
Mensagens: 409
 Re: Por coisa nenhuma e por uma coisa de nada...
São vicios que nascem por uma coisa nenhuma, mas por vezes temos de acabar com eles por uma coisa de nada, mas é melhor assim.Beijinho
Salomé


Enviado por Tópico
Rogério Beça
Publicado: 02/07/2008 13:10  Atualizado: 02/07/2008 13:10
Usuário desde: 06/11/2007
Localidade:
Mensagens: 2029
 Re: Por coisa nenhuma e por uma coisa de nada...
que belo... do princípio ao fim!

Fiquei fixo no:
"uma gota de luz sombria
que na cor disfarça
todas as sombras"

queria ter sido eu a escreve-lo

muito bom!

Enviado por Tópico
DanielaPereira
Publicado: 03/07/2008 15:15  Atualizado: 03/07/2008 15:15
Super Participativo
Usuário desde: 10/03/2007
Localidade: Ovar
Mensagens: 148
 Re: Por coisa nenhuma e por uma coisa de nada...
Obrigado pelo carinho dos vossos comentários...

Deixo um beijo com ternura para todos...


blue