https://www.poetris.com/
 
Prosas Poéticas : 

Libertação

 
Tags:  liberdade  
 
Começo a tomar contacto com este novo e bravo mundo,que me incendeia a paixão de voar até á nuvens e perceber que cada segundo respirado é cham que não se apaga. Sou autor das minhas próprias decisões que não devem ser manchadas de arrependimento e nem sequer ser terceiro reprensentante da minha alma.Percebo os meus perconceitos e defeitos para depois transformá-los em mi borboletas azuais no silêncio longínquo da esperança.
E por fim levanto o signo do bom destino, passando parao outro lado, desmistificando-o em uma só palavra: a felicidade.

 
Autor
deep felling
 
Texto
Data
Leituras
459
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.