https://www.poetris.com/
 
 
 
Sou um pequeno ser que vivo no paraíso dos inocentes,
minha alma vive agora no eterno silêncio,
neste reino onde o belo se entrelaça com o intocável,
minha mente está purificada para uma nova vida.

O meu coração, este, sofrido de tanta dor ainda palpita,
os sentimentos perderam o sentido do ser,
os desejos deixaram de me pertencer,
vivo no ser do não ser, no querer de não querer.

Caminho em busca do meu EU e vejo as sombras do passado,
os troncos murchos pelo frio que albergou meu coração.

As flores não floriram mais, as lágrimas que chorei
secaram os canteiros dos pequenos botões
que iam desabrochando em meu coração.

Os caminhos estão sombrios e frios,
as águas gelaram, as flores não floriram mais,
os sentimentos soltam-se num toque sofrido, e… .

Eu fico perdida.


Todos os meus textos estão registados na Inspecção-Geral das Actividades Culturais (IGAC)

 
Autor
DeboraAndrade
 
Texto
Data
Leituras
1022
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
6 pontos
6
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Batista
Publicado: 17/09/2008 22:02  Atualizado: 17/09/2008 22:02
Super Participativo
Usuário desde: 02/10/2007
Localidade: Setúbal
Mensagens: 176
 Re: EU…
Um simples Inverno acaba com o nascer da primeira flor da Primavera.
Um simples raio de Sol, faz maravilhas na mais reduta escuridão.
Agora imagina o que um pequeno ser, poderá fazer?


Enviado por Tópico
Ledalge
Publicado: 17/09/2008 23:16  Atualizado: 17/09/2008 23:16
Colaborador
Usuário desde: 24/07/2007
Localidade: BRASIL
Mensagens: 6880
 Re: EU…
Você escreve tão bem, amiga. Sinto-me muito bem nesse espaço. Parabéns! beijos


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 19/09/2008 15:17  Atualizado: 19/09/2008 15:17
 Re: EU…
Gostei do teu poema.
Hás-de encontrar o teu "Eu", continua o teu caminho com esperança e perseverança.

Escreve-te um homem a viver e conviver sempre com a Esperança.
Não me tenho dado mal!

Beijinhos