https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

AS NOVIDADES

 
Se a moça saísse da janela
O moço não veria o quanto ela era bela
Se o moço não passasse pela janela
A moça não viveria debruçada nela

Assim são as mangas penduradas nas mangueiras
Assim são os cocos nos altos dos coqueiros
Até que surgiram os postes

Então uma luz elétrica
Ousou clarear tudo
E tudo ficou claro para os que quisessem ver.



Marília L. Paixão

 
Autor
Marília L. Paixão
 
Texto
Data
Leituras
718
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.