Textos -> Outros : 

O SAGRADO SENTIDO DO CASAMENTO

 
O SAGRADO SENTIDO DO CASAMENTO
 
Por que nos casamos?
Há inúmeras respostas a esta pergunta: para ter uma família, para ter uma casa, estabilidade, “construir algo”, assumir um filho não planejado, satisfazer carências, fugir da solidão, “arrumar uma empregada que também seja uma amante” (eca!), “achar um idiota que me sustente financeiramente” (eca novamente!), para ser feliz, para ter sexo com mais liberdade(o que não necessariamente traz qualidade), para dar satisfações à sociedade...enfim são infinitas as situações.
A verdade é que não pensamos muito sobre estas coisas; nem sei se realmente deveríamos. Para cada um o casamento tem o sentido da circunstância que vive naquele momento; tem muito mais a ver com o próprio estado de consciência de cada um do que qualquer outra coisa. Nesta linha de raciocínio, o matrimônio pode ter um sentido diverso entre os casais, por mais estranho que isto possa parecer.
Casamento quer dizer união, enlace. Pressupõe intimidade, companheirismo, conjugação de objetivos e desejos, reciprocidade, sintonia. Infelizmente nem sempre é o que presenciamos e vivenciamos em nossa vida diária.
Duas pessoas tão diferentes que se unem em uma vida comum têm muitos obstáculos para manter uma união de forma saudável. Filhos para educar, contas para pagar, reformas a serem feitas, doenças que precisam ser vencidas, desemprego, fragilidades sonhos que ficam ao longo do caminho...são duas pessoas unidas com seus próprios universos para administrar. Criaram um ponto de interseção entre si e tentam administra-lo de melhor forma possível. Em suas constantes mudanças, muitas vezes a interseção não mais se faz....outras vezes, um universo se sobrepõe ao outro e em outras, as circunstâncias da vida os unem de tal forma que não imaginam-se longe um do outro.
Valores são incorporados e outros se vão...outros são meramente suportados.
Em tudo isto há um ponto em comum: seja qual for seu interesse, você sempre estará em busca da felicidade e, sinto muito em dizer, você jamais a encontrará...pelo menos não dentro “deste” sentido.
A felicidade são momentos e o verdadeiro equilíbrio que somente a verdadeira paz nos traz é o único meio de podermos perceber estes momentos e aproveitar o máximo que eles têm para nos dar.
Mas, até o momento, não tratamos do sagrado sentido do casamento.
Há pouquíssimo tempo este conceito mudou muito dentro de mim. Na verdade eu nem considerava o casamento como um sacramento; mas meu entendimento mudou.
A despeito de toda esta realidade que vivemos, de todo o processo evolutivo que somos levados a experimentar através do auto-conhecimento, há um sentido todo especial que une fortemente as almas através dos milênios: o verdadeiro amor. O amor fraternal, o amor descrito por Paulo em sua carta ao povo de Corinto ( I Coríntios, Cap.13 V.1-13). Este amor é capaz de tudo. Que dá a vida e renuncia a seus próprios desejos em favor do ser amado. Vejam bem: não é uma questão de obsessão ou falta de amor próprio. É simplesmente a própria essência do desapego.
Depois que este conceito desenvolveu-se dentro de mim, outros fizeram-se ainda mais presentes: a questão da castidade(no sentido da preservação) e a própria questão da fidelidade, mas não esta vista de forma banal com todas estas palavras chulas gestos vexatórios. Senti a fidelidade como uma forma de respeito ao sagrado sentido do amor.
É como seu o meu corpo fosse um templo onde uma única pessoa pudesse penetrar; não há mesmo muito sentido em dar a outrém o que não lhe pertence. Neste caso, o sexo passaria de mero foco de prazer à veículo de iluminação. Não conheço muito sobre o Tantrismo mas acredito que tenha este pensamento como base.
Quando encontramos o sentido do amor em nossas vidas, tudo se abre à nossa frente.
Aqueles que têm o privilégio de encontrar alguém para amar desta forma podem considerar-se efetivamente abençoados.
O amor se faz e se instala independente das circunstâncias. Ele é como a água que desliza sobre qualquer superfície...é como o ar, indispensável aos nossos pulmões, é como o fogo que nos queima de desejo, é como a terra que planta nossos pés nos ensinamentos...enfim, ele é o ÉTER que nos eleva rumo ao infinito.


Faze o que tu queres será o todo da Lei.
Amor é a Lei. Amor sob Vontade.



Sugiro aqui uma breve reflexão sobre uma das vivências mais importantes de nossa vida: a de estar casado. Será esta apenas uma condição social ou terá ela um significado mais profundo?
 
Autor
Ravendra
Autor
 
Texto
Data
Leituras
14200
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
15 pontos
7
0
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
João Marino Delize
Publicado: 11/11/2008 13:39  Atualizado: 11/11/2008 13:39
Membro de honra
Usuário desde: 29/01/2008
Localidade: Maringá-
Mensagens: 1937
 Re: O SAGRADO SENTIDO DO CASAMENTO
Casamento é como um buraco
Difícil de se explicar
Que tá dentro quer sair
Quem tá fora quer entrar

Gostei do seu texto. Muito bom

abraços:


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 28/11/2008 21:18  Atualizado: 28/11/2008 21:18
 Re: O SAGRADO SENTIDO DO CASAMENTO
Achei interessante o teu texto, porque parecia que estavas a conversar comigo.
Olha, eu sou um homem que foi casado 35 anos, estou separada há dois anos. Tudo corre bem se os dois durante o dia estão nas suas vidas profissionais. Os anos passam! Mas como aconteceu, juntámo-nos os dois em casa. Aí começamos a ficar cansados! E assim aconteceu! Cada um para seu lado!
Escrevo muito poema de amor precisamente porque desejava que a minha vida tivesse sido normal, porque sou um homem de dar amor, sobretudo amor ao próximo!
Beijão

Enviado por Tópico
Norberto Lopes
Publicado: 01/12/2008 12:31  Atualizado: 01/12/2008 12:31
Membro de honra
Usuário desde: 15/03/2008
Localidade: Lisboa
Mensagens: 896
 Re: O SAGRADO SENTIDO DO CASAMENTO
Um autêntico tratado de sociologia!

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 27/12/2008 16:05  Atualizado: 27/12/2008 16:05
 Re: O SAGRADO SENTIDO DO CASAMENTO
a mulher e o homem não nasceram para viverem só. e ao meu olhar, não necessáriamente hão de serem "casados" num cumprimento social para que haja uma sólida felicidade, garantida por um "verdadeiro amor", numa "cumplicidade" de serem e viverem um para o outro, acima de tudo, pois o que deve prevalecer é o ser casal. seja na procriação, no prazer do sexo, nas atividades profissionais e lazer, mas que seja levado em consideração as diferenças, os universos. portanto; a questão de haver sentido sagrado ou não casamento fica por conta do seu grande texto que; levará muitos a uma reflexão sobre uma das vivências mais importantes de nossa vida.

um beijo, afeto e um fraterno abraço Poetisa.
Silveira


Feliz 2009!

Enviado por Tópico
ONOVOPOETA
Publicado: 30/12/2008 18:18  Atualizado: 30/12/2008 18:18
Da casa!
Usuário desde: 20/10/2008
Localidade:
Mensagens: 232
 Re: O SAGRADO SENTIDO DO CASAMENTO
puro e verdadeiro, muito bom.

Enviado por Tópico
António MR Martins
Publicado: 30/12/2008 18:49  Atualizado: 30/12/2008 18:49
Colaborador
Usuário desde: 22/09/2008
Localidade: Ansião
Mensagens: 5058
 Re: O SAGRADO SENTIDO DO CASAMENTO
E você escreveu uma obra textual de grande recorte.
Minhas sinceras felicitações...e viva o casamento.

Beijinho