https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Tristeza : 

RODINHA26-PRISIONEIROS

 
ERAM PRISIONEIROS,
NÃO COMO AQUELES DAS GRADES
NEM COMO PRESA DE GARRAS AVES
ESTAVAM SÓ PRESOS Á SORTE
QUE A SORTE TEM.

E QUANDO A TEMPESTADE LEVANTAVA,
NO LEVANTE EM SEUS PEITOS GRAVADO
SOPRAVA UMA AGONIA,
UMA AGONIA DE DESILUSÃO.
FALAVAM DO LIXO, DA PODRIDÃO
DO ÚLTIMO MOMENTO QUE HÃ
NO HAVER TRISTE ILUSÃO
NO DEPOIS DO AMANHÃ.

E UNIDOS PELO ETERNO INSTANTE
DE QUEM TRAGA NO MESMO PRATO,
RIAM PARA ALÉM DO ADIANTE
PARA DENTRO DO IMEDIATO.<br />Pág. ?

Descrição e tomada de consciência ontem sobre o que seria o mundo hoje.

(continua)


O homem antes de ser o ente do ser é o ser do-ente

Livros:

Quase um Livro:
www.rodinha26.blogtok.com
Coisas da escrita:
www.avkd.blogtok.com
Um tratado:
www.gov.blogtok.com

Projectos Web:
Um Portal:
ww...

 
Autor
JSL
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1293
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.