Poemas, frases e mensagens de JadsonSimoes

Seleção dos poemas, frases e mensagens mais populares de JadsonSimoes

ESPERANÇA

 
Jamais abandones - se tens fé, a esperança,
pois esta joia estará sempre ao alcance das tuas mãos
como pérolas escondidas no deserto da vida..
 
ESPERANÇA

ESTALOS DE SÃO JOÃO

 
Das bandeirolas multicolores
esticadas no cordel
papel de seda colado com goma de maisena

...e entre a fresta da casa simplória
o alumiar do candeeiro
a gota de luz dissipadora da escuridão do sertão

à porta do casebre o crepitar da madeira, fogueira acesa,
espargindo fumaça, brasas, chamas
que chamusca[va]m a alma de saudade

luzes ribombando no ar, lambendo o céu
cintilado por estrelas e estrelinhas de coqueiro
cá na terra
sobre o olhar perplexo da criança
que fomos
e dorme, juninamente, incólume n'alma

No beirado do alpendre velhinhos e velhinhas
rindo e rememorando
as brincadeiras de anel, as prendas,
o compadre, a comadre - no pular da fogueira

o pé a ritmo do xaxado no chão de terra
espoliado pelas alpercatas de couro
o tocar aberto do riso da sanfona,
das pancadas no couro da zabumba e o repicar tinido do triângulo

Se saudade tem nome, ei-la: Noite de São João.

Jadson Simões
 
ESTALOS DE SÃO JOÃO

SUPREMO

 
Deus mantém as lavas presas
Nas estranhas do vulcão
na câmara magmática,
em incandescente ebulição,
a 1.000 graus

sob seus domínios,
retém a fúria do tornado, acalmando-o
nos mais de 610km/h, sim o Altíssimo faz

Ao seu comando,
Jeová serenou a tsunami do Alasca,
a vaga de 524metros de pico

De velocidade de 107.280km/h, o Halley,
O Pai fê-lo viajar no espaço sob suas ordens

O mesmo Supremo que retém o magma no interior da terra,
acalma o furor dos ventos,
aplaina a vaga gigante,
circunda os cometas,
é o mesmo Deus que acaricia as pétalas das rosas.
 
SUPREMO

A CURA

 
Não há nenhum remédio humano hoje,
que venha curar as patologias de um mundo
em permanente agonia e convulsão.

Os gritos das guerras, os queixumes da fome,
as correntes que agrilhoam almas,
as bombas que destroem sonhos...

Em tudo - as panaceias humanas serão - apenas,
o subterfúgio para esconder - verdadeiramente,
que somente DEUS é o único fármaco
para todos os males humanos.
 
A CURA

HOMO SAPIENS DIGITAL

 
HOMO SAPIENS DIGITAL

Estamos cansados de ver e ouvir,
inertes[mortos vivos],
o horror das bombas ceifando vidas
os gritos enclausurados de crianças e idosos,
acolá,
que pedem socorro mas não nos enxergam de lá,
porque estamos nós acomodados em poltronas
a assistir em tv de LED, digital,
o sofrimento humano via satélite.

Alheio já não nos serve de epíteto,
alienados e petrificados -
o comodismo da conveniência do tanto faz
- alfim não são nossos filhos e idosos que choram.

Que padrão de humanidade temos?

"O macaco é um animal demasiado simpático
para que o homem descenda dele".
 
HOMO SAPIENS DIGITAL

PAZ, AMOR E FÉ

 
O que nos torna mais próximos de Jesus de Cristo
não são só as palavras ditas em seu nome,
mas os atos concretizados em nome da paz, do amor e da fé.

Quando vi isso, caí e encostei o rosto no chão. Então ouvi uma voz que dizia: - Homem mortal, fique de pé. Eu quero falar com você. Ezequiel. 2:1"
 
PAZ, AMOR E FÉ

ENCONTRO MARCADO COM DEUS

 
Perdes algumas horas com teus amigos,
apressa-te para os compromissos,
jamais estás atrasado(a) para os encontros,
horas passas nas redes sociais.

- Quantos minutos do teu dia reservas para um encontro com Deus?

- Quantos minutos tens, mesmo que o(a) chame de piegas,
fundamentalista - a fim de dialogar com Jesus Cristo?

Certamente, haverá um momento na tua vida
que irás chamá-LO, precisarás de uma palavra de bálsamo,
um minuto de Sua compreensão.
Faça isto, hoje, porquanto nem o albor d'amanhã
nem a viração do cair tarde a ti pertence.
 
ENCONTRO MARCADO COM DEUS

A PAZ DE DEUS

 
O vento gélido cortará tua alma em alguns momentos,
a sombria agonia varará teu coração,
teus dias serão negrejados pela dor. Aquieta-te,
pois Aquele que sereneia o mar açoitado
pela procela, tranquiliza as vagas,
ao teu lado estará sempre.
 
A PAZ DE DEUS

LÁBIOS DE COIMBRA

 
Beijei-os, sabor favo de Belém,
Misturei-os ao meu,
à distância,
por mares de desejos unidos,
separados pelo oceano de Álvares.
Em pensamento singrei, entre meus dedos,
as vagas dos teus cabelos,
naveguei meu batel na quietude dos teus olhos
e aportei - tal nauta, serenamente,
no cais dos teus lábios róseos.
 
LÁBIOS DE COIMBRA

NATAL NO SERTÃO

 
É seca - estio causticante,
Ó dezembro nada chuvoso,
Brasor dorido e tonteante,
Destino horrível e impiedoso!

Mas sobre a desesperança
A fé lhe mostra um sinal
E os olhos inocentes de criança
Acreditam que tudo muda no Natal.

...Pobre menino - sem brinquedo,
Vendo o tempo hostil passar,
Chora ao sopé do seco arvoredo,
Esperando um dia Papai Noel chegar.

"Este é o meu consolo no meu sofrimento:
A tua promessa dá-me vida. Salmos 119:50"
 
NATAL NO SERTÃO

A GRAÇA CONCEDIDA

 
Deus Pai, ó Jesus, que perdoas todos os nossos pecados, perdoas os meus, não os conte pois sou humano - espírito e carne, falível a tropeços e quedas. Reconsideras as minhas transgressões pelo perdão pedido, concedes-me a graça através da minha súplica cujo coração aberto em chagas expõe as minhas fragilidades humanas.

Poderoso és, Altíssimo, para com seus filhos, concede-me as bênçãos que meu coração almeja, não retire de mim a felicidade nem o júbilo dos meus entes queridos. Não O neguei, mas exaltei diante de todos o teu poder soberano de cura e salvação, fiz para que o teu Nome fosse glorificado, pois és e serás sempre merecedor de todos os louvores. Nada subsiste às tuas ordens, ó Pai! Se mandas os tremores terrestres cessarem a fúria, eles se aquietam. Mandas acalmar a tempestade impiedosa e ela sereneia em brisa. Ordenas aos males do corpo e do espírito que saiam e teu poder é confirmado com a cura e a graça concedida a teus filhos. AMÉM!
 
A GRAÇA CONCEDIDA

O TEMPO

 
As horas do relógio da vida passando
no ritmado pulsar do meu coração,
fiando a linha do tempo, bordando minha vida
com as mãos calejadas da história
e eu aqui absorto, "oração silenciosa contemplativa",
preso ao tempo que não tem tempo
não existe pressa para seguir,
pois o tempo sabe a hora
para cada história que se dispõe a contar

a pressa do homem não faz o tempo correr
se o segundo é rápido, ele não apressa o passo
do velho cronos
ele não envelhece, não tem cabelos grisalhos,
rugas, mãos débeis, pernas vacilantes
o tempo não fenece,
o tempo não tem tempo
 
O TEMPO

CENAS DO SERTÃO

 
...Da chuva que agora descai no quente solo,
Alevantando o cheiro de torrão molhado,
Voltam-me as lembranças à mente ainda
Vivas dos resquícios de estio passado...

Cheiro de frutas maduras, flores ao léu,
Murmurejar de fontes ao sopé da serra,
O canto de sanhaço na copa da árvore
E o rumor do teiú a arrastar-se na terra.

Do vento a soprar na agreste campina,
Andarilho abrindo caminho na tarde amena...
Faceiro lentamente o vento vai beijar
O corpo desnudo da cabocla morena...
 
CENAS DO SERTÃO

PASSO(S)

 
Contou os meus passos, cada um, mesmo antes que minha caminhada terminasse.
Já sabia cada esquina, cada vereda, cada seixo - que meus pés iriam tocar...(DEUS).
 
PASSO(S)

O AMOR ESFRIARÁ

 
10.05.2015 - O AMOR ESFRIARÁ

Todo dia somos menos do que deveríamos ser, aprendizes em constante evolução.Envelhecemos em idade, em sabedoria decerto vivificamos- tesouro carregado no matulão, matulão dos anos, e experimentamos a graça de receber de Deus - diariamente, o presente que a experiência acumulada ao longo da vida nos traz.
...Aquele senhor nonagenário, 95% da visão comprometida pelas patologias da idade, homem sábio, moldado pelas intempéries da vida e agraciado pelo conhecimento dos anos, por momento parou o olhar no horizonte, absorto nas experiências que a vida lhe dera em dádiva - disse-me:"O mundo está como se pedisse misericórdia". O mundo mendicante, arente de afeto do homem para com o seu semelhante e para consigo mesmo,suprir-se da força nutriz, o amor - não consegue mais.E o Amor já tem ciência, conhecedor dos trajetos da história humana - sabe que o amor se torna silente, envergonhado, tentado pelo ódio a corromper-se,a afastar-se da humanidade, e receber a chave do poço do abismo.

...Do que o mundo precisa para ser feliz? Do Amor.

[...]e, por se multiplicar a iniquidade, o amor de muitos esfriará.
[Mateus 24:12]
 
O AMOR ESFRIARÁ

POR QUE MÃE?

 
POR QUE MÃE?
 
Mãe deveria ser eterna,
mas Deus não a fez eterna
para que o filho visse
-na efemeridade materna,
os seus próprios limites
de ser humano.

Jadson Simões
 
POR QUE MÃE?

PROMESSAS DE BÊNÇÃOS

 
"Porque, quando sou fraco, então, é que sou forte" (2 Coríntios 12:10).

Quanto mais a dureza da vida nos remete à dor, ao sofrimento,
à agonia, próximos mais temos a necessidade
de estar com Deus.
Ao descermos à planura da vida pelas inúmeras intempéries
que nos chegam, o único caminho
para superar a planície das adversidades, atingir o cume do monte
e receber a bênção da promessa é através da fé em Deus.

[Texto: Jadson Simões, Aju-SE, Brasil. 04.04.2014]
 
PROMESSAS DE BÊNÇÃOS

CRISTO CRUCIFICADO

 
Crucificamos Cristo dia a dia,
quando abandonamos crianças,
desprezamos idosos, destruímos a natureza...
Pilatos somos ao lavarmos as mãos
diante dos problemas dos irmãos sertanejos
ou daqueles que são jogados ao decesso
sob as marquises dos viadutos...
Somos Judas quando nos vendemos
aos caprichos mundanos do ódio, soberba,
luxúria, desprezo, prepotência, futilidade...
Só sabemos o valor da mensagem de Cristo,
quando nos deparamos no beirado da vida
com a doença que nos solapa o corpo e a alma
ou com a morte que se avizinha ao nosso leito
ou daqueles que amamos tanto.
Todos os dias somos mais Pilatos,
mais Judas e, verdadeiramente,
precisamos ser mais e viver mais Jesus Cristo.
 
CRISTO CRUCIFICADO

O MILAGRE DA VIDA

 
Viva o milagre da vida cada dia, porque somos parte desse milagre pela misericórdia e amor de Deus.
 
O MILAGRE DA VIDA

O AMOR INCONDICIONAL DE DEUS

 
No caminho tortuoso ao Gólgota
o Cristo levava a pesada cruz
e sobre os olhos cansados e feridos,
o mestre via a Via Crucis humana.

Um homem, carne e espírito,
humano e divino - fragilizado,
para que as dores do mundo conhecesse
e o homem nEle visse e percebesse
que as dores tomadas pelo Jesus,
se Deus não fosse Amor,
um dia seriam nossas.

Resignado como cordeiro
que segue ao abate,
tosquiado com chicotes, esbofeteado,
cuspida a face do Unigênito de Deus,
a bestialidade humana sem limites
não compreendeu a dimensão da dor divinal
e ao cuspir a face de Cristo
o insensato homem cuspia a face de Deus.

Deus, porém, tomou o seu Amor ao último termo
deixar seu Filho amado,
exposto entre salteadores e ao escárnio do público, ser cravejado no madeiro à hora terceira
e o espírito do Filho ao Pai entregue
na hora nona: a consumação.
A morte do Messias libertava
não só homem do julgo da carne,
mas o espírito da treva perenal.

[Jadson Simões, Aju-SE, 30.06.2013]
 
O AMOR INCONDICIONAL DE DEUS

Jadson Simões