https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Dedicatória : 

Permanece...

 
Recantos encobertos,
Olhares mais que certezas;
Dois corações descobertos,
Num momento de impurezas.
Não sou artista de viver,
Nem domino a arte da vida;
Sou um simples homem de fazer
Sorrir quem vive a crença sentida.

Alvarás com o amor
E serás mais e melhor;
Sei que tens em ti a dor
Da descoberta do pior.

Caminha pelos trilhos,
E conquista os destinos;
Beija os puros lírios
Dum mundo de martírios.

Fortalece a amizade,
Arriba com a saudade;
És único de verdade
E transbordas lealdade.

Felicidade?
Conquista?
Certeza?
Eu sou…a dúvida mais certa,
Que atormenta a alegria encoberta.

Vai, sonha!
Vai, salta!
Vai, vibra!
Vai, sente!

Fica, permanece!

 
Autor
João Nuno Marcos Bap
 
Texto
Data
Leituras
625
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.