https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Reflexão : 

A Maldade

 

Qual rainha em seu palácio
Abismada em seu pensar
Vai a cobra seu veneno expelir
E os outros magoar

Convencimento e água benta
Toma cada um a que quer
Mas qual azeite
A verdade vai vencer

Ah, vaidades de um mundo
Interesseiro a valer
Em seu convencimento
Faz tantas almas sofrer

Cada um quer ser amado
Todos pai e mãe afirmam ter
Não se entende
Como há tantos a sofrer

A maldade faz-se passar por bem
Os que a sentem, sabem bem
Como é traiçoeiro
O veneno que ela tem

(Difícil discernir o mal do bem)


Juve

 
Autor
juvepp
Autor
 
Texto
Data
Leituras
2574
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
3 pontos
3
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
goretidias
Publicado: 18/07/2007 23:28  Atualizado: 18/07/2007 23:28
Colaborador
Usuário desde: 08/04/2007
Localidade: Porto
Mensagens: 1237
 Re: A Maldade
Está cobera de razão! Se está!!!!
Um abraço

Enviado por Tópico
ângelaLugo
Publicado: 19/07/2007 01:02  Atualizado: 19/07/2007 01:02
Colaborador
Usuário desde: 04/09/2006
Localidade: São Paulo - Brasil
Mensagens: 14964
 Re: A Maldade p/ juvepp
Querida poetisa

Grande verdade não se pode
discernir o mal do bem...
Mas o mal sempre está no ar
muitas vezes fazendo sofrer
quem está tão bem com a vida
Adorável escrita como adorei
ter lido cada verso tão bem
descrito...
Parabéns!

Beijinhos no coração

Enviado por Tópico
Vera Sousa
Publicado: 19/07/2007 10:52  Atualizado: 19/07/2007 10:52
Membro de honra
Usuário desde: 04/10/2006
Localidade: Amadora
Mensagens: 4100
 Re: A Maldade
Grandes verdades... Quantas vezes a maldade toma outra forma e não parece o que é...

"(Difícil discernir o mal do bem)"

Gostei!

Beijinhos