https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Bubões de meu peito

 
Bubões nascem-me aos borbotões
em meu peito infecto
de tanto alojar afeto
que passeia sem em mim pousar
Cancros que me consomem o ar
e o sonhar
Mas sei que um dia declina
vou fartar-me de penicilina
para quem sabe sarar
este meu coração
sedento
de preencher-se de amar.

 
Autor
luzialuz
Autor
 
Texto
Data
Leituras
629
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
varenka
Publicado: 24/06/2010 22:06  Atualizado: 24/06/2010 22:06
Colaborador
Usuário desde: 10/12/2009
Localidade:
Mensagens: 4211
 Re: Bubões de meu peito
Poetisa,
Teu coração será correspondido, procure que acha..
Gostei da poesia!
Varenka

Enviado por Tópico
carolcarolina
Publicado: 25/06/2010 02:41  Atualizado: 25/06/2010 02:41
Colaborador
Usuário desde: 24/01/2010
Localidade: RS/Brasil
Mensagens: 9300
 Re: Bubões de meu peito
Querida Poetisa
Luzialuz!

Poesia triste!
Um dia esse coração vai preencher-se de amar.
Porém nunca pare de sonhar.
Bjinhos
♫Carol