https://www.poetris.com/
 
Sonetos : 

A INSUSTENTÁVEL LEVEZA DA VIDA

 
 
A INSUSTENTÁVEL LEVEZA DA VIDA
 
A INSUSTENTÁVEL LEVEZA DA VIDA

Elen de Moraes Kochman


Aflita, tua alma soluça... solitária,
Dilacerada em seu profundo desencanto,
Pela noite que te desce, desnecessária,
E te envolve com o negrume do seu manto.

Nos ruídos entrecortados e gementes,
O sofrimento intenso que teu Ser transpassa,
Sublima-se nas tuas forças transcendentes,
Na augusta e comovente fé que te encouraça.

Rosto pálido, encovado, num quê de espanto.
Espasmofilia. Máscara de tristeza.
Conquanto em tua etérea face um silente pranto,
Na alma, do Deus Onipotente, a certeza!

Ausência da palavra em tua voz combalida.
No corpo, a insustentável leveza da vida.



Open in new window

 
Autor
elendemoraes
 
Texto
Data
Leituras
1459
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
9 pontos
7
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
TRIGO
Publicado: 03/07/2010 09:33  Atualizado: 03/07/2010 09:33
Colaborador
Usuário desde: 26/01/2009
Localidade: Cabeça-Boa - Torre de Moncorvo
Mensagens: 2299
 Re: A INSUSTENTÁVEL LEVEZA DA VIDA
...
olá elen

No corpo,
a insustentável leveza da vida


Intenso
e profundo! Escreves muito
bem!


beijos

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 03/07/2010 11:30  Atualizado: 03/07/2010 11:30
 Re: A INSUSTENTÁVEL LEVEZA DA VIDA
Elen.
Li e reli. E saio encantada.

"Ausência da palavra em tua voz combalida.
No corpo, a insustentável leveza da vida."

Obrigada pela partilha.

Rosangela

Enviado por Tópico
NCosta
Publicado: 03/07/2010 14:09  Atualizado: 03/07/2010 14:15
Da casa!
Usuário desde: 17/05/2010
Localidade: Brasil
Mensagens: 232
 Re: A INSUSTENTÁVEL LEVEZA DA VIDA
Elen, a tua mestria emudece o meu comentário.
Beijos

Enviado por Tópico
Sterea
Publicado: 03/07/2010 18:55  Atualizado: 03/07/2010 18:55
Colaborador
Usuário desde: 20/05/2008
Localidade: Porto
Mensagens: 3397
 Re: A INSUSTENTÁVEL LEVEZA DA VIDA
Ah, a este eu tinha que voltar, e deixar a marca do meu respeito e da minha admiração... não sei se o quadro tem a textura da realidade, mas as palavras têm a força de um testemunho, e tocam-nos cordas sensíveis, bem cá dentro de nós!...

Beijinho, à falta de mais palavras..

Enviado por Tópico
Betha Mendonça
Publicado: 04/07/2010 04:40  Atualizado: 04/07/2010 04:40
Colaborador
Usuário desde: 01/07/2009
Localidade:
Mensagens: 6741
 Re: A INSUSTENTÁVEL LEVEZA DA VIDA
Belo, expressivo e reflexivo soneto inglês.A vida do corpo é muito leve, querida.Provou-me o quanto há pouco tempo.
Bjins, Betha.

Enviado por Tópico
Vania Lopez
Publicado: 04/07/2010 20:36  Atualizado: 04/07/2010 20:36
Colaborador
Usuário desde: 25/01/2009
Localidade: Pouso Alegre - MG
Mensagens: 17658
 Re: A INSUSTENTÁVEL LEVEZA DA VIDA
Me deixou desencontrada...Se gostei?! beijo pra ti

Enviado por Tópico
elendemoraes
Publicado: 16/07/2010 03:41  Atualizado: 11/04/2015 15:13
Colaborador
Usuário desde: 05/05/2010
Localidade: Rio de Janeiro - Brasil
Mensagens: 504
 Re: A INSUSTENTÁVEL LEVEZA DA VIDA para Sterea, Vania, Betha, Neila, Rosangela,e trigo
Olá Vania, Betha, Sterea, Neila, Rosangela e trigo!
Obrigada pelos vossos comentários e sensibilidade!
Beijos e abraços, queridos amigos!