https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Amor : 

A Concha

 
Tags:  amor    saudade    mar    ondas    sina    Concha  
 
A Concha

Seu cálido olhar me embriaga
de sonhos inconfessáveis...
Quisera ser como a concha,
perdida à beira do mar,

que se deixa, sem rumo, levar
pelas ondas imperfeitas...
E mesmo depois de esquecida
em longínqua praia deserta,

guardar suave lembrança
de sua voz, dentro de mim,
num murmúrio, a confessar:

“Não há mistério no amor,
somente a triste verdade:
sua sina é a saudade...”


(Andra Valladares)

 
Autor
AndraValladares
 
Texto
Data
Leituras
3896
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
14 pontos
4
1
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Henricabilio
Publicado: 07/09/2010 19:28  Atualizado: 07/09/2010 19:28
Colaborador
Usuário desde: 02/04/2009
Localidade: Caldas da Rainha - Portugal
Mensagens: 6963
 Re: A Concha
De dentro da concha ecoam
os sons que ontem eram Luz.

1 abraçooo!

Abilio*

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 07/09/2010 21:42  Atualizado: 07/09/2010 21:42
 Re: A Concha
Sua poesia é grandiosa. Basta-me dizer-lhe isso, depois de me deliciar com a leitura!
Parabéns,
Bj,
Edilson


Enviado por Tópico
Robertojun
Publicado: 12/03/2014 14:07  Atualizado: 12/03/2014 14:07
Colaborador
Usuário desde: 31/01/2014
Localidade: São Paulo
Mensagens: 2188
 Re: A Concha
Olá, Andra!
Passando para ler o poema A Concha.

Parabéns pela inspiração!

Abraço,
Roberto Jun