https://www.poetris.com/
 
Acrósticos : 

QUEIMAR UM POEMA

 
QUEIMAR UM POEMA


queimar um poema
como quem queima um cigarro
queimá-lo nas vísceras
como quem queima um dicionário

agitar um gesto
navegar nas águas
duma quimera desfeita

mentir
a deuses
a divas
e a mendigos

beber copos
como quem bebe dedos

que mais será preciso imaginar?

um castelo ao contrário
com um rei feito porteiro?

Fernando Manuel Pereira
sempreemluta.nireblog.com


Open in new window

 
Autor
Fernando M. Pereira
 
Texto
Data
Leituras
535
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Juli Lima
Publicado: 02/09/2007 16:12  Atualizado: 02/09/2007 16:12
Colaborador
Usuário desde: 02/08/2007
Localidade: Rio de Janeiro
Mensagens: 993
 Re: QUEIMAR UM POEMA
Boa tarde! Expressivo. Fez-me pensar na fênix. Bj poesia