https://www.poetris.com/
 
Frases e Pensamentos : 

Das (des)importâncias

 
A efemeridade das coisas é proporcional ao tempo que duram as importâncias atribuídas às mesmas. Aquilo que hoje é, amanhã já é bem capaz de não o ser. Por isso, há que aproveitar o momento e tirar o maior partido possível!


*... vivo na renovação dos sentidos, junto da antiguidade das lembranças, em frente das emoções...»

Impulsos

coisa pouca

 
Autor
cleo
Autor
 
Texto
Data
Leituras
533
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
VónyFerreira
Publicado: 04/01/2011 20:57  Atualizado: 04/01/2011 20:57
Membro de honra
Usuário desde: 14/05/2008
Localidade: Leiria
Mensagens: 9702
 Re: Das (des)importâncias
Excelente reflexão, Cleo.
Gostei muito!
Um bom ano para ti!
Beijo
Vóny Ferreira