https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Tristeza : 

AFASTANDO-TE

 
Tags:  poema  
 
AFASTANDO-TE
 
AFASTANDO-TE
(Jairo Nunes Bezerra)

Repentinamente tudo desapareceu,
Até os teus olhares...
O teu amor que era só meu,
Viaja por outros mares!

E na solidão caminho por novas estradas,
Sem êxito obter...
E com a aproximação de ti descartada,
A minha tentativa é de ti esquecer!

Mas em sonho apareces a toda hora,
Embora tenhas ido embora,
Pra destino ignorado!

Tua ausência é um persistente açoite,
Que perdura nas enegrecidas noites,
Deixando-me solitário e desolado!






 
Autor
Jairo Nunes Bezerra
 
Texto
Data
Leituras
610
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
5 pontos
5
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 08/08/2012 20:17  Atualizado: 08/08/2012 20:17
 Re: AFASTANDO-TE
Novas estradas abrem-se nos caminhos da solidão, o poeta, a saudade, o poema o fado...
A solidão cantada deu origem a um belo cantar.
Parabéns poeta!
Abraços
Luzia


Enviado por Tópico
BeatrizTrevisani
Publicado: 08/08/2012 20:53  Atualizado: 08/08/2012 20:54
Colaborador
Usuário desde: 10/06/2012
Localidade: Fortaleza-ce
Mensagens: 1480
 Re: AFASTANDO-TE
É difícil caminhar sozinho,
a solidão enche a vida de espinhos!
Um Grande Beijo!