https://www.poetris.com/
Sonetos : 

Sintomático

 
Tags:  poemas    confusão    ciencia    AQUARELA    bandeira    favela  
 
Sintomático
 
Divagando pela favela,
penso nela
olhando a aquarela
do sol se pondo.

Vejo um pombo,
fugindo do gavião,
e um bem te vi
procurando confusão.

O ar é azul,
segundo a ciência...
E o céu é o quê?

O sol se esgueira
baixando sua bandeira,
para a chegada da noite.

A.J. Cardiais
imagem: Google


Um poeta, um sonhador, um buscador, um hippie, um Anarquista... Sei lá! Um vagabundo, tentando melhorar o mundo.Open in new window

 
Autor
AJ_Cardiais
 
Texto
Data
Leituras
76
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
4 pontos
2
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Erotides
Publicado: 05/12/2020 16:32  Atualizado: 05/12/2020 16:32
Da casa!
Usuário desde: 26/02/2020
Localidade: BRASIL
Mensagens: 416
 Re: Sintomático
Como sempre perfeito. É bom ver através da letras. As imagens vira poesia.