https://www.poetris.com/
Poemas : 

Dor Humana

 
Tags:  dor    mundo    humanidade    renascença    regeneração  
 
Nasce a suave manhã pontuada por lembranças de estórias que me levam a navegar no mais recôndito de mim. No lugar onde tudo é sagrado, puro, leve e belo, estórias de outrora me recordam a minha luz brilhante que se faz alegria até nos momentos em que a dor faz morada.
A dor, minha eterna madrugada, revitalizadora de mais profunda consciência revela-me os trilhos do coração. Dor que se acarinhada se transforma no mais puro ouro. Uma nova mente surge cheia de surpreendentes constatações e suas asas tão livres se abrem na compreensão do universo infindo , tão diverso como rico na história da humanidade.
" Nada se perde, tudo se transforma"
Tudo se transforma num produto mais rico e lapidado, por vezes, com golpes profundos que marcam a estória mas que a renovam de um modo subtil e leve ao ponto das nossas raízes se fortalecerem com o maná da vida e se tornarem unificadas à memória de toda a humanidade.
Humanidade que chora. Rega com sua dor a raíz da bondade, da fraternidade e do amor.
Irmãos que sentem as dores do mundo num corpo tão débil e cansado, marcado pelo amor profundo de viver neste mundo, seu lar, seu trilho, sua vida.

 
Autor
MelPimenta
 
Texto
Data
Leituras
173
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.