Poemas : 

A fenda

 



Pergunto-me se essa tua
aparência de longe será
somente distância
ou sobretudo ausência

[ por detrás dos olhos ]

no interior de ti.

Esvaziámos as palavras dos significados
que nos resgatariam da fenda
no fundo do mar.
Já não temos ninhos
nem barcos de papel, nem pedaços
do tempo
dentro das palavras.

Habituámo-nos a não nomear
os incêndios
e tampouco sabemos se existimos
dentro dos nomes que pronunciamos
para que possamos ficar.







 
Autor
maria.ana
Autor
 
Texto
Data
Leituras
258
Favoritos
9
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
90 pontos
0
9
9
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.