https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

COTIDIANO

 
corre brisa fresca no amâgo da vida
recuando o calor infernal que incendeia a existência

soa buzina de um carro a engarrafar o destino
congestinado de desejos

rompe fumaça devastadora de uma fabrica
que polui e mata todos em tom de progresso

grita um desempregado no meio da multidão mecanica
num ato de desespero - ninguém o ouve - é a vida?

um ranger brusco de uma frenagem ecoa e a espanta
a plebe mecanizada - para - é a vida?

cotidiano continua nos esmagando aos poucos
e nós nem percebemos, e continuamos em frente..

Desterro, 1960/ Vila Embratel, 2008

 
Autor
r.n.rodrigues
 
Texto
Data
Leituras
790
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
4 pontos
4
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Ledalge
Publicado: 03/06/2008 22:17  Atualizado: 03/06/2008 22:17
Colaborador
Usuário desde: 23/07/2007
Localidade: BRASIL
Mensagens: 6880
 Re: COTIDIANO
É JUSTAMENTE ISSO QUE TEM ACONTECIDO...PESSOAS EGOCÊNTRICAS, QUE SE ESQUECEM PRINCIPALMENTE DA SOLIDARIEDADE. A LOUCURA DA CORRIDA POR SUCESSO, SE ESQUECENDO DO PRINCIPAL: O AMOR AO PRÓXIMO. RN, GOSTO MUITO DE ESTAR AQUI. TUA POESIA ME FAZ BEM, PORQUE ME FAZ REFLETIR SOBRE MEUS CONCEITOS. BJ

Enviado por Tópico
Marlene
Publicado: 03/06/2008 22:33  Atualizado: 03/06/2008 22:33
Da casa!
Usuário desde: 08/05/2008
Localidade: Lisboa
Mensagens: 260
 Re: COTIDIANO
É verdade poeta, o quotidiano esmaga e geralmente os mais fracos e desfavorecidos.
Abraços

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 03/06/2008 22:37  Atualizado: 03/06/2008 22:37
 Re: COTIDIANOP/ RN
"A plebe mecanizada"...
Ohos de ver muito longe poeta...
Parabéns!
Edilson

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 04/06/2008 02:41  Atualizado: 04/06/2008 02:41
 Re: COTIDIANO
És um Poeta que se na janela, também pode estar para ver a banda passar; mas enquanto não passa, varres com o olhar e denuncia nesse poema o futuro do ambiente, que morrerá em nome do progresso.
Meu abraço e parabéns.