https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Alegria : 

LUZ DA MANHÃ

 
A LUZ DA MANHÃ


“Aos poetas que brilham intensamente
Esses fachos imensos que surgiram do
Útero da poesia”

De manhã acordei com uma luz
E essa luz era a luz da poesia
Afundei nessa claridade abismal
Entre o dia e a noite
Logo me veio um refrão
A aparência era inocente
Que me fez manso e de alma
Contagiante.


ALBERT ARAÚJO
21-07-08


 
Autor
ALBERT ARAUJO
 
Texto
Data
Leituras
855
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.