https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Alegria : 

O calor da fogueira

 
Tags:  A nossa aldeia  
 
O calor da fogueira
 

O CALOR DA FOGUEIRA


Cai a neve de mansinho
Produzindo branca teia,
A cobrir da cor do linho
As casas da minha aldeia.

Como sendo seu costume
A velhinha cá da Beira,
Vai à lenha, acende o lume,
Faz vibrar uma fogueira.

Depois vai saboreando
O calor zeloso e terno,
Lá fora o vento uivando
Mede forças com o Inverno.

Como ela fica contente
À volta desta braseira,
Cortejada docemente
Por tão nobre companheira.

Se os netinhos lá estão
Ainda sente mais alegria,
Palpita-lhe o coração
No passar de cada dia.

Oh que bom ter o conforto
Debaixo deste telhado,
Onde o ramo mesmo torto
Nos dá fogo redobrado.

Brilha a brasa na lareira
Sempre, sempre a crepitar,
Louvada seja a fogueira
Que aquece o nosso lar.


RAMA LYON

 
Autor
RAMA.LYON
Autor
 
Texto
Data
Leituras
903
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
3 pontos
3
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
AnaCoelho
Publicado: 04/12/2008 21:05  Atualizado: 04/12/2008 21:05
Colaborador
Usuário desde: 09/05/2008
Localidade: Carregado-Alenquer
Mensagens: 12064
 Re: O calor da fogueira
Um quadro poético da aldeia em tempo de inverno muito bem retratado, gostei.

Beijos

Enviado por Tópico
Joel-Matos
Publicado: 29/10/2017 15:21  Atualizado: 29/10/2017 15:21
Subscritor
Usuário desde: 24/02/2017
Localidade:
Mensagens: 1786
 Re: No calar da fogueira
Open in new window