https://www.poetris.com/
 
Sonetos : 

“O agridoce da vida” - Soneto

 
Tags:  desejo    alma    tempo    corpo    futuro    vazio.boca    estáril  
 
 “O agridoce da vida” - Soneto
 
“O agridoce da vida” - Soneto

Indo e atravessando despovoados sítios
Mergulho corpo e alma em pélago profundo
Enganando o tempo, quebrando os ritos
Na retina congeladas, cenas do meu mundo

Neste silêncio, caminhos particulares refeitos
Ardentemente aguardo o desfecho inusitado
Desmistificando as noites, sorvendo os efeitos
Na boca o gosto agridoce do veneno derramado

Corpo estático, desejo de ressuscitar alvoradas
Despindo-me de esperas, deixo a vida acontecer
As intempéries experimento, deixo-me sobreviver

Invadindo o futuro de manhãs desabitadas...
Sensibilidade acuada a condição do momento
Aparentemente estéril, ainda que em movimento.

Glória Salles
14 dezembro 2008
18:27hrs

Open in new window


Glória Salles

 
Autor
GlóriaSalles
 
Texto
Data
Leituras
2106
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
29 pontos
21
0
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 20/12/2008 12:40  Atualizado: 20/12/2008 12:45
 Re: “O agridoce da vida” - Soneto
Glória.

Recorto quatro palavrinhas de seu lindo poema
(deixo a vida acontecer) e as coloco como um caminho para todas as horas.

Beijos

Ulysses


Enviado por Tópico
rickybar
Publicado: 20/12/2008 12:42  Atualizado: 20/12/2008 12:42
Da casa!
Usuário desde: 17/10/2006
Localidade: Rio de Janeiro
Mensagens: 226
 Re: “O agridoce da vida” - Soneto
desacuada a vida será em todas as manhãs...
do sol que nasce a nadrugada o mundo lhe trará felicidade...
e toda melancolia vai se dissipar...
teu mundo, tua vida só merece alegria!


Enviado por Tópico
AnaCoelho
Publicado: 20/12/2008 12:43  Atualizado: 20/12/2008 12:43
Colaborador
Usuário desde: 09/05/2008
Localidade: Carregado-Alenquer
Mensagens: 12118
 Re: “O agridoce da vida” - Soneto
Tranparece na tua poesia a tua alma que está em provação.Deixar a vida acontecer mas com muita esperança. O poema é excelente.

Beijos e muita luz


Enviado por Tópico
quidam
Publicado: 20/12/2008 12:50  Atualizado: 20/12/2008 12:50
Colaborador
Usuário desde: 29/12/2006
Localidade: PORTIMÃO
Mensagens: 1438
 Re: “O agridoce da vida” - Soneto
Por onde tenha andado?...tenho perdido tão bela poesia... Sinto-me muito em divida para contigo...
Jinho


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 20/12/2008 12:56  Atualizado: 20/12/2008 12:56
 Re: “O agridoce da vida” - Soneto
Apenas digo:

Glória
Natal com Esperança

Beijão


Enviado por Tópico
gil de olive
Publicado: 20/12/2008 13:15  Atualizado: 20/12/2008 13:15
Colaborador
Usuário desde: 03/11/2007
Localidade: Campos do Jordão SP BR
Mensagens: 5046
 Re: “O agridoce da vida” - Soneto
Impecável! Devo dizer que voce e uma poetisa 5 estrelas!


Enviado por Tópico
Nanda
Publicado: 20/12/2008 17:33  Atualizado: 20/12/2008 17:33
Colaborador
Usuário desde: 14/08/2007
Localidade: Setúbal
Mensagens: 11191
 Re: “O agridoce da vida” - Soneto
Glorinha querida,
Todos atravessamos momentos em que o nosso corpo é terra infértil...
Um beijinho na alma
Open in new window
Nanda


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 20/12/2008 19:48  Atualizado: 20/12/2008 19:48
 Re: “O agridoce da vida” - Soneto
O agridoce da vida...
Gosto disso!
Lindo poema!
Ao meu modo estou contigo na dificuldade da doença do seu pai.
Tudo vai dar certo!
Um beijo querida!
Dill


Enviado por Tópico
PoetaSenior
Publicado: 20/12/2008 20:00  Atualizado: 20/12/2008 20:00
Super Participativo
Usuário desde: 19/09/2008
Localidade: SETUBAL
Mensagens: 142
 Re: “O agridoce da vida” - Soneto
Que pessoa maravilhosa deve ser a autora deste soneto.
Lindo, Profundo e real
Parabens minha linda...
Beijinho
José


Enviado por Tópico
António MR Martins
Publicado: 20/12/2008 21:59  Atualizado: 20/12/2008 21:59
Colaborador
Usuário desde: 22/09/2008
Localidade: Ansião
Mensagens: 5064
 Re: “O agridoce da vida” - Soneto
Glória,

Espero que essa sua nostalgia seja superada e que a esperança nunca deixe de a acompanhar. No entanto seu poema ficou lindo.

Beijinho

Enviado por Tópico
solange Bretas
Publicado: 21/12/2008 13:46  Atualizado: 21/12/2008 13:46
Participativo
Usuário desde: 29/06/2008
Localidade: São Gonçalo
Mensagens: 19
 Re: “O agridoce da vida” - Soneto
Lindo seu soneto! A vida tem mesmo seus momentos agridoces. Feliz Natal!! Bjão Sol

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 21/12/2008 14:50  Atualizado: 21/12/2008 14:51
 Re: “O agridoce da vida” - Soneto
Da minha janela aberta para o mar
Invento um novo céu dos poetas....


Um novo céu onte tu te encontras nos sonhos que constróis, em vivências paralelas, onde tudo és e fazes acontecer...

Beijos

Feliz Natal