https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Esperança : 

Na praia da vida

 
Tags:  poema    vida    alma    tempo    versos    praia    utopia    som  
 
Somos olhos bem abertos
Com fome de utopia.
Seremos lenda viva,
Símbolos alcançados
Na mão do sonho real,
Sempre leais à lenda que somos.

Voando sobre mares e praias,
Colhendo nas areias o suave toque
Do tempo que desfez a sensação,
Sentimos na tua força
E nos teus olhos a coragem
De seguir mais um dia,
Cavaleiros da vida sem fim.

Viver assim
Na imortalidade
É desejo de viver para sempre
No momento curto que fomos,
No equilíbrio que procurámos
Entre acordes de esperança
E gomos de realidade.
Deixámos o som soar,
Tal como as tentações
De desesperar por uma pausa.

A pausa eterna do tempo quieto,
Anulado pela nossa força,
Manipulado pelos nossos fracos braços
A nadar para o infinito.

Ouvir o som da alma
E ignorar o que foi dito.
Ignorar a palavra corrompida,
Nesta praia que somos nós
E é realmente a da nossa vida.

 
Autor
AntonioCarvalho
 
Texto
Data
Leituras
809
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
cremilde
Publicado: 22/07/2009 12:15  Atualizado: 22/07/2009 12:15
Super Participativo
Usuário desde: 12/05/2009
Localidade: Braga
Mensagens: 132
 Re: Na praia da vida
Olá António
Gostei muito deste sinónimo de vida!
Também gosto de comparar a vida com o mar.
Tal como as ondas que crescem, fortalecem e depois
em espuma se esvaziam.
Parabéns!
Beijinhos
Cremilde